CRESCIMENTO PREOCUPANTE

Cidade do litoral de SP tem alta de 25% nos casos de dengue em uma semana

Ubatuba registra 936 casos confirmados de dengue e mais de mil, em investigação; ações foram reforçadas para evitar crescimento ainda mais expressivo

Estéfani Braz
Publicado em 04/03/2024, às 21h11 - Atualizado em 05/03/2024, às 08h48

FacebookTwitterWhatsApp
Agentes da Vigilância Epidemiológica de Ubatuba reforçaram as ações - Divulgação/ PMU
Agentes da Vigilância Epidemiológica de Ubatuba reforçaram as ações - Divulgação/ PMU

As campanhas de combate à proliferação do mosquito Aedes Aegypt, transmissor da dengue, zika vírus e chikungunya, foram reforçadas em todos os municípios do estado de São Paulo. Apesar disso, os números continuam em  alta. Em Ubatuba, no litoral norte, houve crescimento de 25% dos casos em uma semana. 

O boletim divulgado pela Vigilância Epidemiológica da cidade aponta que, até esta segunda-feira (4), foram registrados 936 casos de dengue. Na semana passada, foram 749. Ainda de acordo com o documento, 1.311 ainda estão em investigação. 

Segundo a prefeitura de Ubatuba, os números acompanham a situação em todo o estado. De acordo com o Painel de Monitoramento da Secretaria Estadual de Saúde, o estado registrou, até a manhã da segunda (4), 138.259 casos confirmados e 79.000 em análise.

O médico e virologista Maurício Lacerda Nogueira, da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (Famerp), afirma que existe a possibilidade de que 2024 se torne o ano com o maior número de casos suspeitos, e, provavelmente, confirmados, da história do Brasil.

Isso porque é esperado um aumento significativo até abril. Nos últimos 20 anos, o pico de casos foi registrado entre o final de março e meados de maio.

Estéfani Braz

Formada em Comunicação Social na Faculdades Integradas Teresa D'Ávila

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!