SAÚDE

Veja quando procurar os serviços de urgência e emergência em Praia Grande

Cidade conta com um PS Central e duas UPAs, quatro bases do Samu e um hospital-referência em traumatologia e neurocirurgia

Redação
Publicado em 11/07/2024, às 08h38 - Atualizado às 08h54

FacebookTwitterWhatsApp
PS Central de Praia Grande fica no bairro Guilhermina - Prefeitura de Praia Grande
PS Central de Praia Grande fica no bairro Guilhermina - Prefeitura de Praia Grande

Praia Grande conta com três locais específicos para prestação de serviços de urgência e emergência médicas. São duas Unidades de Pronto Atendimento (Upas), a UPA Quietude e a UPA Samambaia, e o Pronto-Socorro Central, no bairro Guilhermina. Outro destaque é o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que possui quatro bases descentralizadas, localizadas nos bairros Boqueirão, Quietude, Samambaia e Maracanã. Mas, é importante a população saber quando procurar ou acionar cada um desses serviços. 

As unidades de urgência e emergência de Praia Grande, por exemplo,  acolhem os casos mais graves e urgentes, que exigem  atendimento médico imediato. Tais equipamentos também prestam o primeiro atendimento em casos de cirurgia de urgência e emergência e trauma. A UPA Samambaia e o PS Central contam ainda com cirurgião-dentista para o atendimento de casos urgentes. Já a UPA Quietude abriga uma farmácia que funciona diariamente, das 8h às 20 horas, reforçando a distribuição de medicamentos nos horários e dias em que as Usafas (Unidades de Saúde da Família) não funcionam.

Acompanhe o Costa Norte no Google Notícias

A prefeitura praia-grandense recomenda que o munícipe procure as UPAs ou o PS Central em casos como: febre alta; fraturas e cortes com sangramento; infarto; derrame; queda com torção e dor intensa ou suspeita de fratura; cólicas renais; falta de ar intensa; crises convulsivas; dores fortes no peito; queimaduras; choques elétricos e vômito constante.

Classificação de risco

Para acolher os pacientes, as unidades de urgência e emergência da cidade utilizam o sistema de Acolhimento com Classificação de Risco, que prioriza o atendimento aos casos mais graves. Tal método possibilita que se saiba a gravidade do estado de saúde do paciente, seu potencial de risco, o grau de sofrimento, entre outras informações, impedindo que os casos mais urgentes tenham alguma complicação e possam levar à óbito.

Siga o Costa Norte no WhatsApp e receba as principais notícias do litoral de São Paulo

O sistema funciona da seguinte forma: após escuta do paciente e checagem dos sinais vitais, a enfermagem indica aos médicos, por meio de cores, o grau de gravidade dos pacientes. O vermelho é para emergências (que precisam de atendimento imediato); amarelo, para urgências (o mais rápido possível); verde, para consultas não-urgentes (podem aguardar um tempo maior); azul, para consultas de baixa complexidade (serão atendidos após os anteriores). As urgências e emergências do Samu têm atendimento imediato na sala de emergência das unidades.

 Hospital

Dependendo da avaliação dos profissionais e da necessidade do paciente, é possível que a pessoa seja encaminhada para o Hospital  Municipal Irmã Dulce (HMID). Um dos principais equipamentos de saúde da Baixada Santista, o hospital conta com mais de 250 leitos e atende pacientes de toda a região. A unidade conta com aparelhos modernos, de última geração, além de corpo clínico altamente capacitado.

Hospital Irmã Dulce
Hospital Irmã Dulce fica no bairro Boqueirão - Prefeitura de Praia Grande

O HMID é unidade-referência do estado na região, nas especialidades traumatologia e neurocirurgia. No entanto, realiza cirurgias em diversas outras áreas, em especial, cirurgia vascular, atendendo, inclusive, casos complexos.

No centro cirúrgico do Irmã Dulce trabalham 15 equipes de diferentes especialidades: anestesiologia; traumatologia; vascular; cabeça e pescoço; cirurgia geral; ginecologia; obstetrícia; otorrinolaringologia; neurologia; proctologia; urologia; pediatria; cirurgia torácica; bucomaxilo e cirurgia plástica. O local também recebe equipes vindas de hospitais de referência para captação de órgãos de doadores falecidos.

PS Central 

Um dos destaques da rede de urgência e emergência é o Pronto-Socorro Central de Praia Grande. Inaugurada em 2023, a unidade conta com profissionais capacitados e aparelhos modernos. Atendem, no local,  clínico geral, pediatra, ortopedista e cirurgião-dentista.

No local é possível fazer exames de tomografia, raio-x e laboratoriais, proporcionando mais informações para aprimorar a avaliação dos profissionais de saúde. O PS Central possui também duas salas de cirurgia para procedimentos ambulatoriais. As estruturas contribuem para a diminuição do tempo de espera para esse tipo de procedimento, que normalmente depende de vagas do governo do estado.

UPAs ou Usafas 

O secretário de Saúde Pública de Praia Grande, Cleber Suckow Nogueira, explica que a população deve se dirigir às unidades de pronto-atendimento ou pronto-socorro somente em casos de urgência e emergência. Em situações que necessitam de diagnóstico e tratamento, o cidadão deve se dirigir à Unidade de Saúde da Família (Usafa) mais próxima de sua casa.

Usafa Forte
Praia Grande possui 30 Usafas - Prefeitura de Praia Grande

“Em casos de acompanhamento de saúde mais prolongado, a pessoa deve procurar a Usafa onde ela é cadastrada. É nessa unidade que ela vai ser acompanhada por uma equipe multiprofissional, com especialistas em saúde da família que farão um atendimento integral do paciente ao longo da vida”, reforça Nogueira.

Endereços

Confira os endereços para acessar os equipamentos de urgência e emergência de Praia Grande:

  • Pronto-Socorro Central: venida Presidente Kennedy, 1.491 – Guilhermina;
  • UPA Quietude: venida Ministro Marcos Freire, s/nº – Quietude;
  • UPA Samambaia: avenida Diamantino Cruz Pereira Mourão, s/nº – Samambaia;
  • Samu: Disque 192.

Com informações de prefeitura de Praia Grande

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!