NÃO FOI DESSA VEZ

Vídeo de elefante-marinho em Ubatuba é antigo, diz instituto Argonauta

Imagens de um elefante-marinho, publicadas neste fim de semana, viralizaram, mas o encalhe do animal na praia da Enseada, em Ubatuba, é de 2022

Lenildo Silva
Publicado em 10/06/2024, às 12h03 - Atualizado às 14h02

FacebookTwitterWhatsApp
Elefante-marinho, que encalhou em Ubatuba, era um macho juvenil, com cerca de 4 metros de comprimento - Reprodução redes sociais/Argonauta
Elefante-marinho, que encalhou em Ubatuba, era um macho juvenil, com cerca de 4 metros de comprimento - Reprodução redes sociais/Argonauta

Imagens de um elefante-marinho 'encalhado' na faixa de areia da praia da Enseada, em Ubatuba, no litoral norte de São Paulo, em 2022, voltaram a viralizar nas redes sociais neste fim de semana. O vídeo foi publicado domingo (10), por uma empresa de passeios de escuna e repostado por páginas de notícias da região, o que causou confusão entre os internautas. “Turistas e moradores foram surpreendidos com a presença de um elefante-marinho na praia da Enseada em Ubatuba”, noticiou uma das páginas.

Procurado pela reportagem, o Instituto Argonauta, especializado em conservação dos ecossistemas costeiros e marinhos no litoral norte paulista, informou que, embora elefantes-marinhos apareçam anualmente nas praias da região, para a troca de pelos, não houve qualquer registro recente desta espécie. "Não recebemos nenhum acionamento sobre o aparecimento de elefante-marinho neste fim de semana", declarou o instituto.

Ainda de acordo com o Argonauta, o último aparecimento da espécie em Ubatuba foi registrado em julho de 2023. Ao analisar o vídeo enviado pela reportagem, especialistas notaram que as imagens são bastante similares às de um caso ocorrido em 2022. Devido a isso, o instituto não pode confirmar se o vídeo é recente.

A reportagem entrou em contato com a empresa Capitão Midas Passeios de Escuna, responsável pela publicação original do vídeo. A empresa confirmou, por meio de mensagem, que o vídeo foi retirado de uma reportagem de 2022. "Esse elefante-marinho que postei é de uma reportagem, e apareceu há aproximadamente dois anos aqui na praia da Enseada", esclareceu um representante da empresa.

Relembre o caso

Em março de 2022, um elefante-marinho-sul-americano (Mirounga leonina), macho juvenil, com cerca de quatro metros de comprimento e pesando aproximadamente duas toneladas, escolheu as praias de Ubatuba para descansar de sua longa viagem pelo alto-mar. O animal permaneceu no litoral paulista por quatro dias, alternando entre diferentes praias próximas.

Durante sua estadia, o elefante-marinho foi fotografado e se tornou uma atração para moradores e turistas. Após alguns dias em Ubatuba, o animal seguiu viagem para as praias do Rio de Janeiro, antes de retornar ao mar aberto.

O Instituto Argonauta monitorou de perto o mamífero durante a permanência em Ubatuba. De acordo com avaliações realizadas por veterinários do instituto, à época, o animal estava em boas condições de saúde, apresentando parâmetros fisiológicos normais para a espécie. Seu comportamento indicava que ele estava em um período de descanso e finalizando o processo de mudança, ou troca, de pele e pelos.

Lenildo Silva

Lenildo Silva

Cursa jornalismo na Faculdade Estácio

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!