Ressaca já preocupa forças de segurança da Baixada Santista

Costa Norte
Publicado em 28/10/2016, às 11h59 - Atualizado em 23/08/2020, às 15h35

FacebookTwitterWhatsApp
Costa Norte
Costa Norte

Foto: Divulgação

Antonio Pereira

Conforme o esperado a agitação marítima começou a subir na Baixada Santista na manhã desta sexta-feira, 28. Sensores da Praticagem de Santos registraram ondas de 1,2m na região da Ilha das Palmas e segundo previsões do NPH-Unisanta a agitação continuará em crescente e deve ultrapassar 2,5m durante a madrugada e a tarde de sábado com ápice de 3 e 3,5m na entrada do Canal do Porto de Santos no mesmo período. Até o momento nenhuma ocorrência com vítimas foi registrada na região.

Preocupada com a segunda ressaca do ano, a primeira causou transtornos na zona Noroeste e Ponta da Praia há pouco mais de dois meses, a prefeitura de Santos distribuiu cerca de mil panfletos e envia SMS com alertas para mais de 44,3 mil moradores previamente cadastrados. O Plano Preventivo de Defesa Civil será acionado para envolver agentes de trânsito, guardas municipais e membros da Defesa Civil, a fim de realizar interdições de trânsito e atender eventuais ocorrências.

A subida da maré também foi observada nas outras cidades.  A prefeitura de Cubatão, por exemplo, emitiu comunicado na quinta-feira, 27, sobre a previsão de marés altas acima do normal. A Coordenadoria Municipal da Defesa Civil (Comdec) informou que o fenômeno poderá provocar pequenos alagamentos nos pontos mais baixos como Ilha Caraguatá e Conjunto Residencial Affonso Schmidt.

Segundo informações do portal Climatempo, a influência do ciclone será percebida nas regiões Sul e Sudeste do país. As simulações atmosféricas indicam o valor mínimo da pressão no centro do sistema poderá alcançar de 980 a 990 hPa, valores considerados muito baixos. Resumidamente, quanto mais baixa a pressão atmosférica, mais intensos são os ventos.

Situações de emergência podem ser informadas no telefone 199 da Defesa Civil. A previsão é que a altura das ondas comece a baixar no domingo, 30, porém, o mar continuará agitado.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!