FLAGRANTE

Operação Saturação, em Bertioga, prende homem em flagrante por furto de fiação

Prisão ocorreu na segunda-feira (24), no bairro Vista Linda; suspeito foi avistado ao descer de um poste de luz com a fiação e uma ferramenta nas mãos

Redação
Publicado em 26/06/2024, às 11h55 - Atualizado às 13h35

FacebookTwitterWhatsApp
Homem foi capturado pelos agentes da GCM de Bertioga - Divulgação/Prefeitura de Bertioga
Homem foi capturado pelos agentes da GCM de Bertioga - Divulgação/Prefeitura de Bertioga

Um homem foi preso em flagrante pelos guardas civis municipais (GCMs) de Bertioga, no litoral de São Paulo, enquanto furtava cabos de iluminação pública. A prisão ocorreu durante a Operação Saturação, na segunda-feira (24), no bairro Vista Linda. O suspeito foi avistado ao descer de um poste de luz com cabos de cobre da fiação e uma ferramenta nas mãos.

Ao perceber a presença da viatura, o homem fugiu para um terreno baldio próximo, mas foi capturado pelos agentes da GCM em seguida. Ele foi detido em flagrante e conduzido à delegacia, onde foi constatado que tinha diversas passagens anteriores por crimes patrimoniais.

De acordo com a prefeitura de Bertioga, a Operação Saturação pretende coibir a prática de furtos de cabos de energia pública. Denúncias podem ser feitas por meio do 153 do Centro Operacional de Imagens de Bertioga (Coibe) e pelo 190 da Polícia Militar.

Problema é recorrente na região

Nos primeiros quatro meses deste ano, a Neonergia Elektro, concessionária de distribuição de energia elétrica, registrou aumento no furto de fios e equipamentos elétricos na Baixada Santista, em comparação com 2023. Peruíbe e Bertioga foram as cidades que apresentaram o maior número de registros. Em Bertioga, o índice de crescimento, segundo a concessionária, chegou a 94%, enquanto Peruíbe, 200% .

Siga o Costa Norte no WhatsApp e receba as principais notícias do litoral de São Paulo

A prática de cortar fios e cabos elétricos é considerada furto qualificado,  previsto no Código Penal brasileiro; pena pode chegar a 8 anos de reclusão.   

Veja também

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!