Deslizamento

Mogi-Bertioga continua interditada

O Departamento de Estradas de Rodagens (DER) informou que não há previsão de liberação da passagem

Da Redação
Publicado em 16/02/2018, às 14h43 - Atualizado em 23/08/2020, às 16h28

FacebookTwitterWhatsApp
Divulgação/DER
Divulgação/DER

A rodovia Mogi-Bertioga (SP-98) continua interditada nos dois trechos desde a madrugada de sexta-feira, 16, devido à queda de barreiras e pedras. Segundo motoristas que passavam pelo trecho do KM 82, em Mogi das Cruzes, o deslizamento ocorreu pouco depois da meia noite. 

Outras quedas de barreiras foram registradas, pela Polícia Rodoviária no mesmo dia, pela manhã, nos KM 87 e KM 88, já no trecho de Bertioga.

Equipes foram destinadas ao local e com o apoio de máquinas, trabalharam ininterruptamente para viabilizar a liberação da pista.

Os motoristas são avisados da ocorrência, por meio de um painel luminoso próximo ao posto policial. 

Viaturas das Unidades Básicas de Atendimento e da Polícia Militar Rodoviária permanecem no local. O Departamento de Estradas de Rodagens (DER) informou que não há previsão de liberação da passagem. 

Como alternativa, o departamento orienta aos motoristas o desvio do tráfego no sentido São Sebastião, Caraguatatuba e Ubatuba pelas rodovias dos Tamoios (SP 099) e Oswaldo Cruz (SP 125). Já para os condutores que trafegam para Guarujá e Bertioga, a orientação é seguir pela via Anchieta (SP 150) / Rodovia dos Imigrantes (SP160) do Sistema Anchieta-Imigrantes, Tamoios ou Oswaldo Cruz. 

Para manter-se informado sobre as rodovias, o motorista pode ligar para o 0800 0555510 ou entrar no Twitter do órgão .

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!