TRANSIÇÃO

João Doria encontra-se com Jair Bolsonaro e com Michel Temer

O governador de eleito garantiu apoio do PSDB de São Paulo a Bolsonaro no Congresso Nacional

Estela Craveiro
Publicado em 09/11/2018, às 15h37 - Atualizado em 23/08/2020, às 17h50

FacebookTwitterWhatsApp
João Doria e Michel Temer - Divulgação
João Doria e Michel Temer - Divulgação

O governador eleito João Doria teve uma semana movimentadíssima.  Na terça-feira, 6, recebeu, em São Paulo, uma comitiva de líderes do PSDB da Bahia, com os deputados estaduais eleitos Paulo Câmara, Marcell Moraes e David Rios e o deputado federal Antônio Imbassahy.

Na quarta-feira, 7, em Brasília, Doria almoçou com a bancada de deputados federais tucanos, e esteve com o presidente eleito Jair Bolsonaro, em reunião no Centro Cultural do Banco do Brasil. Foi o primeiro encontro entre os dois desde as eleições. Reforma da Previdência e desestatização foram dois dos assuntos abordados.

Doria garantiu o apoio da bancada do PSDB de São Paulo a Bolsonaro no Congresso Nacional. Participaram da reunião os futuros ministros da Casa Civil Onyx Lorenzoni, e da Economia Paulo Guedes.

Na quinta-feira, 8, Doria anunciou os titulares de duas secretarias: José Henrique Germann Ferreira, para a pasta de Saúde, e Gustavo Junqueira, para a Agricultura. À tarde, em São Paulo, o tucano eleito reuniu-se com o presidente da República Michel Temer e com Rodrigo Maia (DEM), presidente da Câmara dos Deputados. Com Temer, ele falou sobre repasses de recursos para rodovias, habitação, mobilidade urbana e saneamento básico.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!