CLIMA QUENTE

Dilma Rousseff e Ciro Gomes trocam farpas e clima esquenta na web

Ex-presidente Dilma comparou pré-candidato Ciro a Bolsonaro, enquanto pedetista a chamou de incompetente e presunçosa

Da redaçãoPublicado em 13/10/2021 às 20:03Atualizado há 13/10/2021 às 20:24
Ex-presidente travou embate com pré-candidato à Presidência da República por meio de 'alfinetadas' nas redes sociais (Divulgação/Estado de Minas)

Ex-presidente travou embate com pré-candidato à Presidência da República por meio de 'alfinetadas' nas redes sociais (Divulgação/Estado de Minas)

O clima voltou a ficar quente entre a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) e o pré-candidato à Presidência da República, Ciro Gomes (PDT), nesta quarta-feira (13).

Por meio de diversas mensagens publicadas nas redes sociais, a petista chamou o pedetista de misógino e ainda o comparou ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Já o pedetista classificou a ex-presidente como “uma das pessoas mais incompetentes, inapetentes e presunçosas que já passaram pela Presidência”. Confira mais detalhes sobre o embate a seguir.

"Só Ciro Gomes é competente. Este é o pecado de sua enorme presunção. Esta é a sua visão quando se trata de avaliar o resto da humanidade. Mas quando se trata de mulher, sua visão não é só inadequada, é também profundamente misógina", iniciou Dilma, comparando-o a Jair Bolsonaro logo em seguida. “Ciro sistematicamente distorce os fatos. E, nisso, não se difere em nada de Bolsonaro. Ambos adoram quando os alvos de suas agressões reagem. Precisam disso para obter likes e espaço na mídia. É disso que se alimentam”.

A postagem da ex-presidente foi ao encontro de uma declaração do ex-governador do Ceará. Mais cedo, em entrevista ao podcast ‘Estadão Notícias’, disse estar seguro de que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) "conspirou" para a concretização do impeachment da então presidente Dilma Rousseff, afastada do cargo em 2016, após aprovação da Câmara dos Deputados e do Senado Federal.

"Eu atuei contra o impeachment e quem fez o golpe foi o Senado Federal. Quem presidiu o Senado? Renan Calheiros. Quem liderou o MDB nessa investida? O Eunício Oliveira. Com quem o Lula está hoje?", indagou Ciro. "Hoje eu estou seguro que o Lula conspirou pelo impeachment da Dilma, estou seguro", completou o pré-candidato às eleições 2022.

Dilma, por sua vez, estendeu suas ‘provocações’ ao pré-candidato à Presidência pelo PDT, destacando sua baixa aprovação nas últimas pesquisas eleitorais. “Ciro Gomes está tentando de todas as formas reagir à sua baixa aprovação popular. Mais uma vez mente de maneira descarada, mergulhando no fundo do poço. O problema, para ele, é que usa este método há muito tempo e continua há quase uma década com apenas 1 dígito nas pesquisas”, provocou a ex-presidente.

Ciro, então, respondeu à ex-presidente. "Na vida nunca menti. Mas errei algumas vezes. Uma delas quando lutei contra o impeachment de uma das pessoas mais incompetentes, inapetentes e presunçosas que já passaram pela presidência. Claro, que estou falando de você, Dilma", concluiu Gomes.

Visando não alongar o debate na internet, a petista resolveu encerrar a ‘troca de farpas’, mas alertando para uma crise brasileira em diferentes esferas. “Infelizmente para Ciro, encerro esta polêmica estéril por aqui. O Brasil precisa é discutir a gravíssima crise democrática, social, sanitária e econômica em que se encontra.

Assuntos

O Sistema Costa Norte de Comunicação atua no litoral paulista há mais de vinte anos levando informação a toda a população com seriedade e imparcialidade

Entre em contato:

Reclamações ou sugestões:

redacao@costanorte.com.br

Comercial e parcerias:

contato@costanorte.com.br

© 2021 Todos Os Direitos Reservados Ao Sistema Costa Norte de Comunicação

Desenvolvido por

Distribuído por