PAM da Rodoviária será gerido pela organização social Pró-Vida

OS foi a vencedora da licitação para gestão do Pronto Socorro Doutor Matheus Santa Maria

Marina Aguiar
Publicado em 03/02/2018, às 10h48 - Atualizado em 23/08/2020, às 16h22

FacebookTwitterWhatsApp
No momento, a entidade atua no trabalho de transição junto à Administração Municipal. - Reprodução/Internet
No momento, a entidade atua no trabalho de transição junto à Administração Municipal. - Reprodução/Internet

Unidade referência no serviço de urgência e emergência em Guarujá, o PAM da Rodoviária no bairro do Santo Antonio será gerido pela organização social Pró-Vida. A OS foi a vencedora de licitação para a gestão plena da Unidade. No momento, a entidade atua no trabalho de transição junto à Administração Municipal.

O secretário de saúde de Guarujá, José Humberto Sandi, explica que essa mudança não afetará o atendimento no pronto socorro, que prossegue normalmente: “É uma medida que não causará transtornos à população e nem aos funcionários. Vai gerar economicidade à Prefeitura, e principalmente, a população terá o retorno com a melhora do serviço, seja através de questões envolvendo zeladoria, infraestrutura e até contratações de médicos”.

Ainda para o processo de terceirização, o Executivo convocará o Sindicato dos Funcionários Públicos da Prefeitura (Sindiserv), além dos membros do Conselho Municipal de Saúde, que auxiliarão na distribuição dos funcionários para demais unidades da rede municipal.

A expectativa da prefeitura é de que, após cumprido os prazos e os procedimentos administrativos e legais, a OS já esteja apta a dar início aos serviços que constam no edital e convocação pública 005/2017, que foi publicado no Diário Oficial do Município ao final do ano passado.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!