Minuto a Minuto

Costa Norte
Publicado em 22/09/2016, às 16h44 - Atualizado em 23/08/2020, às 15h31

FacebookTwitterWhatsApp
Costa Norte
Costa Norte

22h55

Termina o debate!

22h53

Considerações finais de Caio: Quero parabenizar o Sistema Costa Norte pela democratização da informação. Peço que todos vocês que nos acompanharam até esse horário, que realmente comparem as propostas e os projetos. Busquem mais informação, para que com a razão escolha o candidato que possa resolver os problemas antigos, que até hoje Bertioga não pôde resolver. Gostaria de agradecer também a Deus, por estar aqui hoje, com muita força e muita luz, por me candidatar a prefeito de Bertioga, sabendo da responsabilidade que isso representa. Gostaria também de agradecer a minha família, a todos da coligação e a todos os 54 candidatos a vereador, todos capacitados, e a melhor militância da cidade.

22h50

Considerações finais de Kaled: Quero agradecer ao Costa Norte por proporcionar o debate. Peço para o eleitor me acompanhar no Facebook. Quero dizer a você que eu acredito na virada e que mesmo sendo eu e o professor Jesus nessa batalha, eu acredito no voto de confiança. Nós vamos mudar a vida de vocês. Eu posso fazer e eu vou fazer a diferença com muito empenho e trabalho. Meu mandato vai começar no dia 3 de outubro e vamos trabalhar arduamente, por uma cidade mais planejada. Por uma cidade decente, vote 27, vocês terão 27 motivos para mudar a cidade. Vamos proporcionar uma melhor qualidade de vida.

22h47

Considerações finais de Miranda: Foi muito legal, foi um debate de alto nível, com respeito. Todos os cristãos da cidade que vestiram a camisa azul, agradeço. Agradeço aos 54 candidatos da minha coligação. A minha vice, única mulher da disputa. Ao Orlandini, tudo que foi feito nessa cidade, nós fizemos juntos. Vou continuar honrando nosso trabalho. Agradeço aos partidos da coligação. Saí do zero, não era candidato, mas a cidade comprou a ideia. Miranda é a comunidade, vai ajudar os mais pobres. Eu vim de baixo. Mas estou há 12 anos no comando, com o Orlandini. Temos a experiência pra fazer. Agradeço a minha família. Tem alguém lá de cima nos orientando e vamos vencer, em nome de Jesus, que é a minha crença.

22h41

Começa o último bloco.

22h36

Intervalo

22h35

Miranda: Bertioga está em terceiro lugar no Ideb, na Baixada, isso é investimento. Pode ter até um buraco lá na quadra. Mas nós estamos indo muito bem; estamos concluindo três novas escolas, cobertura de três quadras, sistema apostilado. Isso que tá acontecendo para a gente chegar no ponto do Ideb. Dentro da escola, tem três equipes fazendo manutenção. Escola velha é a do Estado, sem professor, Governo do estado não faz a parte dele.  Novas escolas, escola em tempo integral, valorização do professor, o Ejinha... é isso que vamos fazer. Nós investimos muito em coisas do governo do Estado, precisamos mudar isso.

Caio: O orçamento a ser executado na cidade para educação será por volta de R$ 75 milhões. Em um total de oito mil alunos, são R$ 10 mil por ano, essa é a realidade de Bertioga. Temos dinheiro, mas falta gestão, falta secretário que tenha bagagem pedagógica. As escolas estão sucateadas e é um verdadeiro desrespeito com a população.

22h31

Kaled: Eu irei colocar um servidor da carreira para comandar. Temos que aumentar o número de creches nos bairros e implementar a política pública municipal de educação em tempo integral. Em Santa Catarina, a criança tem matérias diferentes de manhã, almoça e a tarde tem acesso a cultura e lazer. E quando chega em casa tem tarefa. Aqui não temos esse exemplo de educação. Tem dinheiro pra revitalizar as quadras aqui. O uniforme escolar será chipado. O pai vai saber que horas o aluno entrou e saiu da escola. Na Alemanha e na Coréia do Sul é feito, e pode ser feito aqui.

22h29

Bruno, via Whatsapp - Mesmo ultrapassando a meta do Ideb para o ano de 2015, Bertioga ainda encontra dificuldades na área da Educação, como prédios antigos, quadras esburacadas e sem cobertura e até mesmo falta de servidores. Candidato, o que fará de melhorias nessa pasta tão importante pra sociedade? Quem o senhor colocará para comandá-la?

22h26

Miranda: A gente está já com a lei de Parceria Público Privada, principalmente na área náutica. Nossa cidade vai mudar; nós já estamos desenvolvendo projetos nessa área, que vai gerar mais de mil empregos anualmente. A segunda é voltada para o turismo; construção do museu da cultura e também do caiçara, para ser visitado e o turista vir; em Boraceia, o Centro da cultura indígena, que vai com certeza trazer muito turista e renda; e o Pavilhão de Exposição aqui na entrada da cidade. O turismo é uma fonte de renda, mas não adianta não vim sozinho, tem que ter investimento em saúde e educação.

Caio: O turismo bem trabalhado é um dos grandes geradores de emprego. temos diversas maneiras de potencializar o turismo, seja religioso, náutico. Temos de atualizar o nosso Plano Diretor para que empresas acreditem em Bertioga e invistam aqui. Estou aqui porque quero trabalhar e representar vocês e ser o melhor prefeito dessa cidade.

22h24

Kaled:  Essa é uma bandeira que eu defendo. Não é só o jovem, é a criança, é o adolescente. Temos que dar isenção fiscal, trazer grandes empresas para Bertioga. Temos a prefeitura e o Sesc, e mais nada. Temos pessoas não aproveitadas. É viável buscar uma universidade federal, por que não? Falta planejamento.

22h22

Rainner Vasques, via Whatsapp - Temos jovens e trabalhadores formados nas melhores universidades do Brasil que, infelizmente, precisam deixar a cidade para ter um emprego. Quais são os seus projetos para reter e absorver esses talentos e pessoas altamente capacitadas, seja com geração de empregos e/ou na própria administração pública?

22h20

Miranda: Em oito anos de governo não se cogitou se quer uma greve; sempre na mesa de negociação atendemos a maioria da vontade dos funcionários. O plano de carreira tem que ser feito, no geral. Já a partir do ano que vem vamos sentar numa mesa para fazer. Ele já foi para a Câmara setorizado, mas retiramos para fazer num todo. Temos que fazer um estudo geral, para que a gente possa cumprir com a meta e com cada funcionário. Essa meta a gente tem.

22h18

Caio: Eu gostaria de dizer que qualquer gestor tem que ter conhecimento público, analisar impactos orçamentários e entender que é necessário fazer uma revisão do plano de carreira, com consultoria, não somente para os professores, mas todo o funcionalismo público.

22h16

Kaled responde: Eu como funcionário público de carreira, desde os 18 anos, sei a realidade cruel dos servidores, o orçamento apertado da administração. A única saída que eu vejo é diminuir esse monte de cargo em comissão. Enxugar a máquina. Fazer plano de carreira para cada área. Professores têm que ter plano de carreira, os fiscais, pessoas do serviço público de saúde. Com o servidor feliz, essa engrenagem vai voar.

22h13

Pergunta de Marcelo Ferreira, via whats: O que vocês pretendem fazer à respeito do funcionalismo público, que tem uns dos salários mais baixos da Região?

22h12

Agora os candidatos respondem perguntas dos eleitores.

22h11

Começa o 5º bloco.

22h04

Intervalo

22h03

Caio comenta: A gente precisa entender quais são as principais atividades existentes no município. E a gente precisa ir de encontro à capacitação dos futuros profissionais. Por exemplo, a área náutica, com cursos de manutenção de pequenas e médias embarcações; assim como precisa aumentar o número de cursos voltados às atividades comerciais, como soldador. Precisa buscar capacitação para as atividades que existem em Bertioga.

22h02

Kaled: Haverá no meu governo a pontualidade na entrega de material escolar, uniforme.  Mas não só isso. O PSDC vai trazer escolas estaduais e trazer a responsabilidade para o município. Temos 10 mil reais por criança para investir em educação, cultura, esporte.

22h00

Caio responde: A PEC é 240. Não é poque ela é permissiva que eu vou acompanhar a questão. Eu sou a favor de gastar 25% com a educação. Precisamos formar melhores cidadãos. Acredito em uma educação de qualidade e quero trazer uma faculdade para a cidade e uma ETEC. A gente precisa aumentar e democratizar o acesso à cultura e à educação em Bertioga, precisamos investir em nossas crianças e às suas formações.

21h59

Kaled pergunta para Caio: Você estuda bastante. A PEC 241 está sendo feita pelo presidente e o seu partido PSDB. Vai haver uma redução nos próximos 20 anos na educação e saúde. o que você pretende fazer para melhorar esses setores em Bertioga?

21h58

Tréplica Caio: O candidato não entendeu verdadeiramente como funciona uma licitação. Para o comerciante participar tem que ter estímulo, tem que se preparado. Temos que estimular a mão de obra local.

21h56

Miranda comenta: A vontade não é só do prefeito, dos vereadores ou do político. A gente trabalha dentro da lei e precisa se preparar e ganhar. A lei de licitação impede muitas coisas.

21h55

Caio responde: O orçamento desse ano é fabuloso. Com gestão de qualidade vamos aumentar a arrecadação. A gente atualizando o Plano Diretor da cidade, vamos aumentar o leque de empresas pra cidade. Fortalece a economia, a geração de empregos e faz com que os impostos girem na nossa cidade.

21h53

Miranda pergunta para Caio: Mesmo diante da crise. Bertioga foi uma das poucas cidades que não diminuiu o investimento. Pelo contrário, manteve obras, como manter esse crescimento no próximo ano?

21h52

Caio: É preocupante não só para mim, mas para os pais, a falta de oportunidade. Eu como prefeito vou aumentar e diversificar os cursos, como também a permanência da ETEC, e estamos perdendo por falta de contrapartida da prefeitura.

Imagem acervo site

21h51

Miranda responde: Nós fizemos nossa lição de casa, mas precisamo de apoio do estado. Estamos investindo e apresentando projeto. Nossa administração está fazendo a lição de casa para avançar e resolver os problemas em nossa comunidade.

21h48

Caio pergunta para Miranda: Os jovens necessitam de qualificação profissional. O atual governo não criou meios para isso. Isso dificulta a obtenção de vagas de emprego. Quais suas propostas para melhorar esse problema?

21h47

Kaled: Vamos trabalhar com planejamento, colaboração e mão firme. Com administração enxuta. Ganhe quem ganhar, mas o próximo gestor vai encontrar a prefeitura engessada, pela lei, diminuição de recurso e falta de investimento. Vou investir em educação, saúde e esporte.

21h46

Miranda comenta: Essa experiência nós já percorremos ao buscar mais de R$ 180 milhões. Nossa administração será muito mais rápida. Vamos criar uma secretaria de esportes e o primeiro polo já está sendo construído.

21h45

Kaled responde: Obrigado pela pergunta Miranda. Eu tenho vários deputados comigo. Vou trabalhar afinco cada segundo do meu mandato. Vou trazer um ex-ministro da saúde para gerir essa pasta. Os recursos já caíram. Claro que temos que ter apoio dos deputados, mas a lição começa dentro de casa. Vou enxugar a máquina. Investir no futuro do seu filho. Mesmo não conhecendo todos os deputados, vou bater na porta de cada um e pedir recursos.

21h43

Miranda para Kaled: Nós temos relacionamento com vários deputados. Como pretende trabalhar para manter os investimentos já feitos com Brasília?

21h42

Tréplica de Miranda: Estamos trabalhando. Tive o sonho de ter a minha casa. Essa é a realidade, queremos trabalhar no social. Além da regularização, construir casas decentes para nossa comunidade.

21h41

Kaled comenta: Na administração do PSDC é um compromisso meu e do partido fazer a regularização fundiária. Você que hoje não tem a escritura, eu te darei a escritura. Vamos enfrentar as invasões e não podemos permitir, temos que respeitar a natureza.

21h40

Miranda responde: A gente já vem trabalhando na regularização fundiária. São mais de 800 casas já regularizadas. Estamos na segunda fase, Albatroz, Sítio São João e Chácaras.  Já iniciamos 1500 apartamentos no São Raphael. Além da construção estamos investindo forte nessas áreas longe do centro.

21h38

Kaled pergunta para Miranda: Caso seja eleito, gostaria que narrasse o que pretende fazer como prefeito na área de habitação, na regularização fundiária e evitar as invasões que hoje acontecem na cidade de Bertioga?

21h37

Tréplica Kaled:  Quero descentralizar. Levar pros bairros (Boraceia, Vista Linda) uma escola em tempo integral. Não é pra escravizar a criança fazendo com que ela estude o dia inteiro, mas que tenha acesso a cultura, a esportes.

21h36

Caio comenta: Educação é fundamental para o crescimento. No nosso governo, o secretário de educação terá de ter conhecimento administrativo e pedagógico. Vamos avançar em novas creches e o ano letivo terá início no prazo e material escolar e uniforme na pontualidade.

21h34

Kaled responde: Eu tenho um filho que estuda num Colégio Estadual, Armando Bellegarde. Tenho desejo de trazer um colégio estadual pra Bertioga. Não pode mais acontecer do uniforme escolar atrasar. Vamos fazer isso com planejamento. A escola vai além da alimentação, do uniforme. Mas precisa que o professor trabalhe com mais tranquilidade. Vou acabar com cargo em comissão de diretor, tem que ser meritocracia.

21h32

Caio pergunta para Kaled: A educação em Bertioga precisa melhorar, apesar de esforços dos servidores da área. Quais são suas propostas para melhorar a educação.

21h31

O bloco é de perguntas livres entre os candidatos.

21h29

Começa o 4º bloco.

21h23

Intervalo

21h22

Caio comenta: O principal desafio do próximo gestor é fazer mais com menos. Precisamos fazer um georreferenciamento na cidade, isso fará um círculo vicioso, gerando mais arrecadação para Bertioga.

21h21

Kaled responde: O 1º passo é reduzir a folha de pagamento. O 2º passo dinheiro sobra e investe na cidade. Isso faz com que as empresas venham pra cidade e gerem emprego na cidade. Temos que investir no turismo para estudantes, ambientalistas, pessoas que gostem de festas gastronômicas. Fazer parceria com empresas, isso vai aumentar o número de pessoas trabalhando.

21h19

Pergunta para Kaled:  Qual sua meta para aumentar a arrecadação do município?

21h18

Miranda comenta:  Nós saímos de 12 mil atendimentos pra 19 mil, 40% a mais. Hospitais da região estão fechando e não deixamos de atender pessoas de fora. Em 2015, foram 65 milhões pra UPA e UBS. Nossa cidade está sofrendo, mas estamos ajudando cidades vizinhas

21h17

Caio responde: Não tem o básico em Bertioga, falta médico, falta remédio. A cidade não tem nem médicos para os procedimentos de baixa e média complexidade. Precisamos melhorar a gestão na saúde e investir nos bairros mais afastados, como Guaratuba.

Imagem acervo site

21h15

Pergunta para Caio: Qual a proposta para que o município consiga cumprir a demanda de Saúde?

21h14

Kaled comenta:Eu gostaria de fazer uma correção, caiu quase R$ 50 milhões já, e isso é preocupante. Esse dinheiro era usado em educação, saúde e infraestrutura, precisamos enxugar a máquina, pois a folha de pagamento tem valor de R$ 30 milhões.

Imagem acervo site

21h13

Resposta de Miranda: É verdade, os royalties são muito importante pra nossa cidade. Mas Bertioga está se desenvolvendo. Quando eu disse que 1500 empresas vieram pra cá, é porque Bertioga tá desenvolvendo. Estamos preparando nosso município pra que isso não faça falta. São menos 30 milhões nos cofres, mas estamos equilibrando, administrando bem. Faz falta, mas estamos rompendo essa crise.

21h10

Pergunta para Miranda: Um dos mais importantes repasses de valores que integram o orçamento municipal é oriundo dos royalties do petróleo. Em 2015 o município recebeu mais de R$ 40 milhões em royalties, repasse inferior a anos anteriores devido, entre outros fatores, a queda no valor do barril. Candidato, em sua opinião, até que ponto o município deve depender desses valores para seu desenvolvimento? Além disso, quais seriam suas propostas para aumentar a arrecadação municipal como um todo?

21h08

Agora candidatos respondem perguntas dos profissionais do Costa Norte.

21h07

Começa o 3º bloco.

21h00

Intervalo

20h59

Tréplica Miranda: Falar em geração de emprego tem que ter esse planejamento, que já está acontecendo. Sobre pavimentação, nossa vontade é bloquetear, mas somos obrigados a fazer pavimentação asfáltica, é pro brasil inteiro, regra de brasília. Nós estamos com 30% de defasagem com essa crise e estamos mantendo a cidade trabalhando, investindo.

Imagem acervo site

20h58

Kaled: Você que é morador do bairro São João, Vista Linda, Guaratuba e Boracéia o asfalto é muito bom, mas se quebram. Uma das propostas é trazer uma empresa que faça o asfalto e use os moradores dos bairros, que estejam desempregados, para auxiliar nos trabalhos.

20h57

Miranda: Nós já estamos no crescimento da nossa cidade. Foram criadas mais de 1500 empresas na nossa cidade. Dicico, Lojas Cem, Semar, drogarias de grande porte; porque acreditam no investimento do nosso município. Os prédios também geram empregos para as pessoas. Já estamos gerando emprego, trazendo empresas para a nossa cidade.

Imagem acervo site

20h54

Kaled pergunta para Miranda: O que o senhor pretende fazer, caso seja prefeito, para a geração de empregos em Bertioga?

20h53

Tréplica de Caio: Um dos conceitos de cidade sustentável é que sejam feitas audiências públicas, de forma participativa, o que não acontece em Bertioga. Melhorar as unidades de saúde e dar condições aos funcionários que nelas trabalham.

20h52

Réplica de Miranda: Nós já estamos trabalhando. É a única cidade da baixada a criar a Usina de Reciclagem. É um trabalho sério, por isso essas sete vezes que Bertioga recebeu o selo verde azul.

Imagem acervo site

20h51

Caio responde: A preocupação é intensa com a preservação ambiental. Precisamos melhorar a velocidade dos licenciamentos na cidade. Ao termos uma secretaria eficiente, já mandaremos os documentos analisados para os órgãos responsáveis. Importante campanhas de conscientização, esclarecedoras, pois, o lixo é importante e se gasta de R$ 8 a R$ 9 milhões por ano com o lixo.

20h50

Miranda pergunta:  Meio Ambiente. Bertioga é a única cidade da Baixada a conquistar 7 vezes o Selo Azul. Vou ampliar o Cidade Sustentável. Como você vai ampliar esse programa mundial?

20h49

Miranda pergunta para Caio.

20h48

Tréplica Kaled: Concordo com a sua colocação, mas precisamos ter um plano viário em Bertioga e gerar emprego. Temos profissionais na cidade na área da segurança do trabalho que não estão sendo aproveitados. Mudando a estrutura viária da cidade, os taxistas e todos os trabalhadores ficarão felizes.

20h48

Réplica de Caio: Vamos implantar fiscalização eletrônica nos ônibus para controlar os horários. Isso trará padronização, condições de trabalho, segurança para motorista e transportado. Vamos finalizar também os terminais, os modais.

20h46

Kaled responde: Com planejamento e fiscalização. Passou da hora de rever o contrato e trazer uma nova empresa de transporte público. O transporte precisa passar nos bairros mais longínquos e regularizar o transporte alternativo que, no momento, é clandestino. O 27 irá gerar emprego e renda na vida das pessoas.

20h44

Caio para Kaled: A população não aguenta esperar tanto tempo em ponto de ônibus. Como melhorar o transporte público?

20h43

Caio pergunta para Kaled.

20h42

Candidato pergunta para candidato neste bloco.

20h40

Começa o 2º bloco do debate entre os candidatos a prefeito de Bertioga.

20h19

Fim do primeiro bloco.

20h17

Miranda: Estamos fazendo saúde sim. Leitos de UTI, salas de cirurgia. Outras cidades estão fechando hospital e Bertioga está conseguindo, junto com o prefeito Orlandini. Temos experiência e vamos fazer mais pela cidade. Tenho apoio de mais de 20 deputados, as emendas estão garantidas na nossa cidade.

20h14

Miranda responde agora.

20h13

Kaled: Quem quer ganhe aqui vai ter que estar preparado para apertar o cinto, pois vai ter que trabalhar dia e noite para fazer a diferença na vida das pessoas. Por uma cidade feliz, por uma cidade melhor. Eu quero ser prefeito porque acredito que posso fazer a diferença na vida de de cada morador de Bertioga. Acredito que podemos aquecer o mercado de trabalho, oferecer ensino de qualidade e ser modelo a todo o estado. Hoje, quem tem um filho no colégio, sabe a realidade, sabe sobre a alimentação, sobre a estrutura e como o ensino funciona. Me comprometo com vocês, a partir de 3 de outubro, ingressar com projetos como prefeito da cidade.

20h11

Agora é a vez de Kaled responder.

20h10

Caio: Venho reafirmar meu compromisso. A experiência que adquirir em meus 40 anos de vida, 20 anos de obra, quatro anos como vereador e meus anos de formação pode ajudar a construir uma cidade melhor. Não sou o único que se depara com bairros abandonados em Bertioga. Vou lutar pelo que acredito.

20h06

Por que deseja ser prefeito de Bertioga? Primeiro a responder é Caio.

20h04

Apresentação das regras sobre o debate.

20h02

Ribas Zaidan apresenta os candidatos.

20h00

Começa o debate!

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!