Estado dobra a frota de veículos da Polícia Ambiental

Costa Norte
Publicado em 30/06/2012, às 06h41 - Atualizado em 24/08/2020, às 01h04

FacebookTwitterWhatsApp
Costa Norte
Costa Norte

Por Eliana Cirqueira

A Baixada Santista, Vale do Ribeira, Litoral Norte e Vale do Paraíba, que abrange o 3º Batalhão da Polícia Ambiental do Estado de SP, recebeu na manhã desta quinta-feira (28) reforço na frota de veículos que atendem a região. O secretário estadual de Meio Ambiente, Bruno Covas, entregou 76 novas viaturas, aumentando em mais de 100% a frota anterior, que era de 69 e passou a ser de 145 carros. Destes, a Baixada ficou com a maior quantidade: 27 viaturas foram destinadas à área dos nove municípios.

As cidades do Vale do Ribeira receberam 16 novas viaturas; o Vale do Paraíba 17, e o Litoral Norte 16 carros para as ações da Polícia Ambiental.

Importante

“Um investimento importante que se faz hoje para todos os municípios abrangidos pelo 3º Batalhão de Polícia Ambiental. Estamos apostando na fiscalização, seja por meio de melhor infraestrutura para os policiais ou por monitoramento de área por satélite, por veículo não transportado, para ajudar o policiamento e os nossos fiscais a coibir crimes ambientais”, destacou Bruno Covas.

Ao todo, o Estado efetuou a compra de 130 novos veículos para fiscalização e educação ambiental - do Programa Socioambiental da Serra do Mar - com investimentos de pouco mais de R$ 14 milhões, em parceria com o BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento).

Atuações

De acordo com o tenente coronel e comandante do 3º Batalhão, Antonio Carlos Biazotto Filho, as novas viaturas serão utilizadas em ações de fiscalização, prevenção e repressão a crimes ambientais, tais como invasões, extrativismo (retirada de areia) e tráfico clandestino de animais. “Essas viaturas devem ter uma atuação diferenciada. O comando estadual do policiamento ambiental vem pedindo para que nós façamos várias operações em conjunto com a Secretaria de Meio Ambiente e com a Cetesb. Com esses veículos, vamos aumentar a sinergia com outros órgãos para fins de fiscalização”, afirmou.

Nos parques

Biazotto ainda explicou que esses equipamentos tem foco de atuação dentro dos parques estaduais Serra do Mar e o Restinga de Bertioga, o Perb, em conjunto com os veículos da Fundação Florestal e da Secretaria de Meio Ambiente, e que a meta é de aumento imediato da presença dos policiais ambientais nos parques em 25%.

Educação ambiental

O coronel PM do Estado, Milton Sussumu Nomura, falou das ações voltadas à educação ambiental e os veículos entregues para essa finalidade. “São viaturas diferenciadas. Vans devidamente equipadas e que compõem um esforço especial nosso, já que temos um contingente devidamente treinado para fazer educação ambiental com os mais diversos públicos. É fundamental que atuemos também na área da educação, de forma a ajudarmos a construir uma nova forma de pensar e tratar as questões ambientais”, avaliou.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!