Dra. Mirian Gregio participa de premiação da maior rede de dentistas voluntários do mundo

Costa Norte
Publicado em 14/11/2014, às 15h08 - Atualizado em 23/08/2020, às 14h27

FacebookTwitterWhatsApp
Costa Norte
Costa Norte
Programa conta com 15 mil dentistas atuando em 14 países

São Bento do Sapucaí, cidade histórica do interior de São Paulo, sediou o maior evento de saúde bucal, voluntariado e empreendedorismo do mundo, de quinta-feira a domingo (6 a 9 de novembro). O pesquisador americano cocriador do conceito de base da pirâmide Al Hammond e o filósofo Mario Sergio Cortella estiveram entre os convidados de 12 países, que a ONG Turma do Bem trouxe para o Sorriso do Bem, seu encontro anual. A dentista voluntária e coordenadora regional Mirian Gregio representou Bertioga no evento pela terceira vez.

Houve palestras, exposição de fotos de mulheres vítimas de violência atendidas no programa Apolônias do Bem, e capacitações e trocas de experiências entre os dentistas voluntários do Brasil, da América Latina e de Portugal, além de uma mostra de cinema para a população local. À noite, aconteceram festas de rua para celebrar o trabalho, que já atendeu mais de 50 mil jovens em 14 países.

No sábado, a Turma do Bem anunciou o Melhor Dentista do Mundo, numa noite de gala com a presença de Maria Gadú e da cantora portuguesa Wanda Stuart, e apresentada por vários atores da televisão brasileira. Todo o evento foi transmitido pela TV TdB (tv.tdb.org.br), um portal de vídeos que traz conteúdo exclusivo para o internauta.

Fábio Bibancos, presidente voluntário da Turma do Bem, disse: “Transformamos São Bento do Sapucaí em um Davos da saúde”, comparando o Sorriso do Bem ao maior fórum de lideranças do mundo, realizado também em uma cidade de 11 mil habitantes. “O poder público não oferece amparo. A saúde bucal é tão negligenciada que nem foi debatida durante as eleições deste ano. Vamos colocar a odontologia na pauta.” A Turma do Bem (www.turmadobem.org.br) é a maior rede de voluntariado especializado do mundo, com 15 mil dentistas atuando em 14 países. Oferece atendimento odontológico gratuito à população de baixa renda em condição de vulnerabilidade social e com graves problemas bucais: jovens de 11 a 17 anos e mulheres vítimas de violência doméstica.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!