Bertioga se prepara para combater a dengue

Costa Norte
Publicado em 08/09/2016, às 07h30 - Atualizado em 23/08/2020, às 15h29

FacebookTwitterWhatsApp
Costa Norte
Costa Norte

*Foto: PMB

Com o verão chegando, aumentam as preocupações das autoridades sanitárias com as epidemias de dengue no Brasil. As ações de combate ao vetor acontecem durante todo o ano nos municípios e são intensificadas nesses períodos considerados interepidêmicos, quando o número de casos da doença são menores devido às temperaturas mais baixas e poucas chuvas.

Pensando nisso, a Prefeitura de Bertioga, em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde começa, a partir deste sábado (10), os mutirões de limpeza nos bairros – ação que será realizada no Albatroz (antigo Albatroz II) e Jardim Vicente de Carvalho, no período das 9h às 13 horas.

A recomendação estadual é de que sejam realizados mutirões em dois sábados de cada mês para municípios com população abaixo de 100 mil habitantes. A ação do próximo sábado será a primeira de uma série de oito mutirões que a Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Coordenadoria de Vetores e Dengue tem programada para este ano, dentro do plano estratégico traçado.

Os mutirões seguem no próximo dia 17, no Albatroz (antigo Albatroz I) e Mangue Seco, no bairro Rio da Praia; dia 08 de outubro, no Indaiá; 15 de outubro, no Jardim das Canções e  Ana Paula, no bairro Rio da Praia;  12 de novembro, no Vista Linda; 19 de novembro, no Bairro Chácaras; 03 de dezembro, no Rio da Praia e 10 de dezembro, no Centro.

Como parte da intensificação do trabalho de combate a dengue, chikungunya e o zika vírus – doenças transmitidas pelo mosquito Aedes agypti, os 30 agentes da Coordenadoria de Vetores e Dengue estão, durante a semana,  fazendo visitas porta a porta nas regiões epidêmicas , com maior número de casos de dengue, como nos bairros Centro, Rio da Praia e Indaiá.

A Secretaria de Saúde também está realizando  a Sala de Situação de Dengue para monitoramento de situação ambulatorial e hospitalar de prevenção e combate ao Aedes aegypti.

Casos de dengue

No período de janeiro até o momento, Bertioga registrou 791 casos positivos e dengue. No mesmo período de 2015, foram 427 casos da doença. O Município também registrou dois casos de chikungunya, este ano, sendo um importado de outra cidade.  Não há registro de casos de chikungunya no ano passado e nem há registros de casos do Zika Vírus em 2015 e 2016. Também não há óbitos provocados por nenhuma das três doenças transmitidas pelo Aedes aegypti.

A população deve colaborar com a limpeza urbana, dispondo o lixo nas lixeiras nos dias e horários determinados pela empresa que presta o serviço no Município. Na região central da Cidade, a coleta acontece todos os dias; nos bairros, em dias alternados, sempre a partir das 7 horas.

Serviço

Para denúncias sobre possíveis criadouros do mosquito transmissor da dengue, basta solicitar vistoria pelo Disk-Dengue, no telefone 3317-6273 ou pelo endereço eletrônico:  [email protected]  . A Coordenadoria de Vetores e Dengue funciona na Rua Jorge Ferreira, 60, no Centro. O Atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 16 horas.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!