A Itália tremeu

Costa Norte
Publicado em 24/08/2016, às 06h58 - Atualizado em 23/08/2020, às 15h25

FacebookTwitterWhatsApp
Costa Norte
Costa Norte

*Foto: Getty Images

A Itália acordou assustada na manhã de hoje. Um forte terremoto, registrado na madrugada desta quarta-feira, deixou vários mortos e provocou danos severos em algumas regiões. De acordo com uma porta-voz do departamento de proteção civil, o tremou matou pelo menos 38 pessoas. O Itamaraty informou que não há registro de brasileiros entre as vítimas. Ainda há diversas debaixo dos escombros. O número de desaparecidos passa de 100 pessoas, de acordo com as agências de notícias internacionais.

O terremoto de magnitude 6,2 atingiu o centro da Itália, perto de Perugia (a 145 km de Roma), segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos, que registra tremores em todo o mundo. As cidades mais atingidas foram Accumoli, Amatrice, Posta e Arquata del Tronto.

Nossa reportagem conversou com um brasileiro que está na Itália, em Viterbo, 100 km da cidade mais afetada pelo tremor. Natural de Marília, interior de São Paulo, Alex Laperuta, 32 anos, está no país há quatro meses para tirar cidadania italiana. Ele conta que estava dormindo e acordou assustado. “Acordei 3h30 com tudo tremendo e corri para debaixo da mesa. Senti muito medo”. Laperuta diz que o tremor durou de 1 a 2 minutos. “Parece uma eternidade. É assustador”, relembra. O susto foi desabafado em seu perfil no Facebook. Veja abaixo:

Desabafo no Facebook sobre o tremor na Itália

Erica Rueda

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!