vamos

"Vamos nos doar para conseguir a vitória", diz Macris após vaga para a final do vôlei

Gazeta Esportiva
06/08/2021 às 12:45.
Atualizado em 06/08/2021 às 12:47
Divulgação / Internet (Divulgação / Internet)

Divulgação / Internet (Divulgação / Internet)

O Brasil se classificou nesta sexta-feira para a final do vôlei feminino nas Olimpíadas de Tóquio. A equipe brasileira venceu a Coreia do Sul por 3 sets 0 e repetiu o placar de quando as duas equipes se enfrentaram na primeira fase do torneio.

A disputa pelo ouro acontece neste próximo domingo, à 1h30 (de Brasília). O Brasil irá enfrentar os Estados Unidos. Neste sábado, a Coreia do Sul encara a Sérvia, às 21 horas, na briga pelo bronze.

Após a partida, algumas jogadoras brasileiras comentaram sobre a equipe americana. Entre ajustes que devem fazer para o duelo e elogios à seleção dos Estados Unidos, o que prevalece é a vontade de lutar para conseguir a primeira posição do pódio.

“Cada jogo é uma nova história. Cada coisa que ficou para trás, independentemente de vitória ou derrota, em algum momento tem que zerar. Sabemos da importância de sacar bem porque elas têm um jogo muito rápido e de sermos obedientes na tática bloqueio/defesa. É importante obedecer taticamente e conseguir contra-atacar bem, ter paciência no jogo e manter a agressividade e a alegria dentro de quadra, jogando juntas. Sabemos que vai ser difícil, mas chegamos até aqui, vamos nos doar para conseguir a vitória”, comentou Macris.

“A gente tem mostrado que está pronta para entrar na final e deu certo. Acredito que os Estados Unidos são o time a ser batido faz um tempo. Temos alguns ajustes para fazer para jogar bem contra elas, mas é um time redondo com muitas peças de reposição”, destacou Rosamaria.

Fernanda Garay no jogo contra a Coreia do Sul nos Jogos de Tóquio 2020.

Gabi demonstra confiança para a decisão: “Estamos jogando com muita agressividade, empurrando nosso saque o tempo inteiro. A gente sabe da qualidade das americanas de saque, recepção, volume de jogo. Vai ser um jogo de igual para igual e vai vencer quem estiver mais preparado emocionalmente e começar agredindo desde o começo”, concluiu a jogadora.Fonte: Gazeta Esportiva

O Sistema Costa Norte de Comunicação atua no litoral paulista há mais de vinte anos levando informação a toda a população com seriedade e imparcialidade

Entre em contato:

Reclamações ou sugestões:

redacao@costanorte.com.br

Comercial e parcerias:

contato@costanorte.com.br

© 2021 Todos Os Direitos Reservados Ao Sistema Costa Norte de Comunicação

Desenvolvido por

Distribuído por