Presidente da Câmara quer mudança de local da sede legislativa

Costa Norte
Publicado em 25/01/2013, às 15h11 - Atualizado em 24/08/2020, às 01h13

FacebookTwitterWhatsApp
Costa Norte
Costa Norte

Por Eliana Cirqueira

Vereador participou, recentemente, do programa ‘Café da Manhã’, da TV Costa Norte

A realocação da Câmara de São Sebastião é o principal desafio apontado pelo presidente do Legislativo, Marcos Tenório (PSC), eleito pelos seus pares para conduzir a Casa de Leis no biênio 2013/2014. O vereador esteve semana passada no programa ‘Café da Manhã, da TV Costa Norte – Canal 48 UHF. Na ocasião, ele falou também sobre royalties, composição da Casa e o Porto da cidade. “Parte do prédio [onde está instalado o Legislativo, no Centro Histórico da cidade] é locado. Então, a Câmara fica restrita ao prédio do plenário e mais a sala do presidente. E nós temos um grande problema naquela área, porque os prédios são todos tombados pelo Patrimônio Histórico”, afirmou Tenório. O presidente da Casa de Leis sebastianense afirmou ainda que já tem um projeto e o prédio que ele colocará para a apreciação dos demais vereadores, visando à mudança de sede. “Estamos tentando alugar um espaço que irá agregar os 12 vereadores e todos os departamentos da Câmara, no centro da cidade. Este local está a uns 20m da atual sede. Nós [da Mesa Diretora] estivemos com todos os vereadores, mostrando o projeto. Já na 1ª sessão ordinária do ano, estaremos apresentando como está o prédio hoje, que está muito desgastado e que uma reforma seria uma coisa difícil de ser feita”, completou. Tenório também ressaltou que essa é uma solução provisória e a Casa irá conversar com o Executivo, para que a municipalidade construa uma sede própria para o Legislativo. Ele também falou sobre a expectativa de interação da Casa com o Executivo. “Os Poderes têm que andar lado a lado, sem ser subserviente, e liberdade de discussão tem que existir. O apoio ao prefeito virá com bons projetos para a cidade. Isso que é importante e o que prego aos meus pares”.

Royalties “Hoje, a gente sabe que o prefeito Ernane está com alguns projetos para tentar recuperar [o orçamento] e não ficar tão dependente da Petrobras. Porque, pela questão política, sabemos que o Projeto de Lei que foi vetado pela presidente Dilma pode ser quebrado a qualquer momento. Não podemos ficar tão dependente da Petrobras”, avaliou, destacando a importância de a municipalidade buscar recursos para manter os investimentos no município.

Porto O parlamentar ainda defendeu a ampliação do Porto de São Sebastião. Para ele, é possível aumentar a área portuária, sem prejuízo da legislação ambiental. “Tem sim como ampliar o porto com mais dois berços [de atracação]. Respeitando o meio ambiente, o impacto será minimizado. O progresso tem que existir, mas dentro das leis. Considerando os novos projetos, pode-se ampliar o porto e manter a qualidade de vida das cidades do Litoral Norte”.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!