TALENTO

Jovem dançarino de Praia Grande ganha bolsa para estudar balé nos EUA

Anthony Caio, de 16 anos, embarcae m breve para estudar na Miami City Ballet; jovem teve talento para a dança descoberto no Cafe de Praia Grande

Redação
Publicado em 29/05/2024, às 09h22 - Atualizado às 09h32

FacebookTwitterWhatsApp
Apesar da pouca idade, Anthony já possui um currículo notável no mundo da dança - Reprodução/Arquivo Pessoal
Apesar da pouca idade, Anthony já possui um currículo notável no mundo da dança - Reprodução/Arquivo Pessoal

O jovem Anthony Caio Almeida Silva, de 16 anos, de Praia Grande, teve seu talento para a dança descoberto ainda em 2015, durante as aulas de dança do Centro de Apoio à Família do Educando (Cafe) da cidade. Mesmo tão jovem, Anthony possui um currículo notável. Ele já ganhou diversos prêmios na área,  apresentou-se em festivais nacionais e internacionais e participou de um importante espetáculo teatral na capital paulista, dirigido pela renomada diretora Cininha de Paula. Mas o adolescente se prepara, agora, para um voo bem mais alto em sua carreira: ele embarcará, na segunda quinzena de junho, para os Estados Unidos, para estudar em uma das maiores escolas de dança do mundo.

Anthony ganhou uma bolsa integral para estudar na Miami City Ballet, renomada companhia de balé norte-americana, com sede na cidade de Miami, no estado da Flórida. O reconhecimento começou a partir de uma sequência de ações internacionais, como a participação, em 2023, no festival de dança em Tampa, também na Flórida. Neste festival, o baliarino recebeu ainda a oferta de outras bolsas de estudo internacionais, na Itália e na Alemanha.

Click aqui para seguir nosso canal no WhatsApp

Ainda em 2023, Anthony participou mais uma vez do Festival FIDIFest Brasil, no qual alcançou a primeira colocação na sua categoria e conquistou uma bolsa de estudos para uma escola de balé norte-americana, na Philadelphia (The Rock School). Em outubro, Anthony  participou do maior festival internacional de YAGP Brasil, no Rio de Janeiro, e, além de ser selecionado com finalista no YAGP em Nova Iorque, conquistou novas oportunidades de estudo. Ele foi contemplado para estudar em Boston e Miami, esta última, a escolhida por Anthony e por sua família para estudar.

Anthony Caio
Anthony já ganhou diversos prêmios na dança - Reprodução/Instagram Anthony Caio

Na Miami City Ballet, o bailarino poderá aprimorar seus conhecimentos em aulas de balé clássico, dança contemporânea, jazz e dança flamenca. Com esta bolsa de estudos, Anthony terá todas as despesas pagas pela companhia, que incluem passagem aérea, hospedagem, alimentação, uniforme completo, despesas com visto de estudante e ajuda de custo financeira para se manter nos Estados Unidos. A mãe de Anthony, Andreia Guedes de Almeida, relembrou a trajetória do filho e a dedicação que ele tem com a dança. “É um reconhecimento a todo trabalho diário que o Anthony faz. É um orgulho para todos nós. E esse novo ciclo profissional dele é só o começo, pois tenho certeza que ele vai alcançar muito mais, trazendo ainda mais orgulho para nossa família, para Praia Grande e para nosso país”.

Início na dança

A paixão de Anthony pela dança começou quando, aos 7 anos de idade, sua escola ofereceu duas opções de aulas extracurriculares aos alunos: futsal, para os meninos, e balé clássico, para as meninas. A mãe de Anthony explicou que, na época, se surpreendeu quando o filho pediu para optar pela aula de dança. “Logo aceitamos e começamos a procurar locais na cidade onde ele pudesse conhecer mais a modalidade. Foi quando o levamos ao Cafe Sítio do Campo”, explicou Andreia.

Depois de algumas aulas, já apaixonado pelo balé, e com a intenção de se especializar na área, o próximo passo para Anthony foi encontrar uma academia que pudesse oferecer excelência na dança. “Ele é muito dedicado e está sempre em busca de novos conhecimentos”, disse a mãe do jovem talento.

Anthony Caio
Anthony embarca em junho para os Estados Unidos - Reprodução/Instagram Anthony Caio

Anthony ganha olhares de admiração por onde se apresenta, em uma das modalidades de dança mais tradicionalmente praticadas pelo público feminino, o balé clássico. Por isso, em 2015, veio o convite para participar do programa Encontro com Fátima Bernardes, da TV Globo, quando Anthony fez parte da pauta sobre o preconceito que ainda existe em relação a  meninos que dançam balé.

Além disso, o estudante de Praia Grande também foi convidado para fazer parte do documentário  Repense o Elogio, de Estela Renner. A obra propôs a reflexão sobre a maneira como as crianças são elogiadas: enquanto meninas são lindas, princesas e delicadas, meninos são fortes, inteligentes e corajosos. O documentário refletia sobre o poder das palavras e da cultura, que trouxe este desequilíbrio tão profundo.

Em 2019, a história e trajetória profissional de Anthony se tornou um livro infantil, pelas mãos dos professores e escritores Sarah Naranjo e Fernando Curti. A obra, chamada Meninos não dançam balé, com ilustrações de Thais Castro, fala da importância do apoio da família na caminhada de um bailarino. Ainda em 2019, entre histórias de 3.500 crianças, Anthony foi selecionado como protagonista da campanha o Amor que deixa ser, do Leite Ninho, da Nestlé.

Se você se encantou com a história de Anthony, pode acompanhá-lo pelo seu perfil no Instagram.

Com informações de prefeitura de Praia Grande

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!