Terminal Marítimo recebe duas novas embarcações

Costa Norte
Publicado em 20/04/2013, às 05h49 - Atualizado em 23/08/2020, às 13h59

FacebookTwitterWhatsApp
Costa Norte
Costa Norte

Por Antonio Pereira

Lancha tem ar condicionado e capacidade para 370 pessoas

Duas novas embarcações foram entregues em Santos, pelo governador de São Paulo Geraldo Alckmin, na manhã de quarta-feira (17). Os equipamentos já estão em funcionamento nas travessias Santos/Guarujá: uma lancha com capacidade para 370 pessoas (LS 01), orçada em R$ 6,7 milhões, e uma balsa para 60 veículos (FB-28), que custou R$ 7,1 milhões. As embarcações foram adquiridas pelo Departamento Rodoviário S/A (Dersa), dentro do Programa Estadual de Modernização das Travessias Litorâneas. Segundo o governador, o programa prevê investimento superior a R$ 210 milhões, na troca de balsas e lanchas antigas por embarcações mais modernas e maiores. “Já aplicamos R$ 60 milhões apenas em 2011; agora estamos aplicando mais R$ 150 milhões entre 2012 e 2013. Trata-se do maior investimento já realizado na história deste sistema, que vai desde a construção e reformas dos terminais até a substituição das embarcações”. Até o final deste ano, a Dersa pretende adquirir mais três lanchas do mesmo modelo para o mesmo terminal de passageiros (LS 02, LS 03 e LS 04). Todas são do tipo catamarã, equipadas com ar condicionado, aparelhos de televisão e poltronas com encosto para cabeça. Com a chegada das novas embarcações, as antigas serão retiradas gradativamente. “Neste terminal atendemos mais de 10 mil pessoas por dia, portanto, devemos fornecer o melhor atendimento possível para estas pessoas, que são na maioria da classe trabalhadora”, ressalta o presidente da Dersa Laurence Lourenço.

Modernização Além dos cinco novos ferry boats e das quatro lanchas adquiridas pela Dersa, também fazem parte do Programa de Modernização das Travessias Litorâneas, a implantação do Bilhete Inteligente para os passageiros (2011), a aquisição de 20 novos motores marítimos de última geração para as embarcações (2011), a ampliação do atracadouro de Santos (2011) e atracadouros novos para Guarujá e Bertioga (iniciado em 2012), além da revitalização de 20 embarcações (12 concluídas e oito previstas para 2013). Segundo o presidente da Dersa, com a construção do túnel, prevista para durar 36 meses, o destino das embarcações será as travessias Guarujá/Bertioga e Cananéia/Iguápe, provavelmente em 2017.

Túnel A Royal Haskoning DHV, da Holanda, foi contratada para prestar consultoria técnica na construção do túnel imerso entre Santos e Guarujá. A empresa, que já desenvolveu mais de 50 projetos semelhantes no mundo, foi vencedora da licitação internacional realizada pela Dersa. O contrato foi assinado quinta-feira (11), em São Paulo. O início das obras está previsto para o segundo semestre de 2013.

Dengue De acordo com o governador, o Instituto Butantã está com pesquisas adiantadas para a criação de uma vacina contra a dengue, mas, enquanto isso não se torna uma realidade, a preocupação deve ser com o mosquito, evitando os focos domiciliares. “O Verão está acabando e, com fim do calor, a tendência é de redução de casos, porém, não podemos relaxar, pois no próximo Verão, com certeza, o mosquito voltará”, disse Alckmin.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!