Curso Promotoras Legais Populares forma primeira turma

Costa Norte
Publicado em 22/07/2014, às 14h02 - Atualizado em 23/08/2020, às 14h21

FacebookTwitterWhatsApp

O curso de Promotoras Legais Populares (PLPs) formará sua primeira turma em Guarujá na quarta-feira, 23, às 17 horas, na sala de reuniões do gabinete da prefeita, no paço Moacir dos Santos Filho. O curso, que contou com palestras nas áreas de saúde, direitos humanos, combate ao racismo, sexualidade e lei Maria da Penha, teve como objetivo capacitar mulheres com idades entre 30 e 65 anos para a orientação de munícipes sobre seus direitos e acesso a serviços públicos. A iniciativa foi conduzida pela Assessoria de Políticas Públicas para Mulheres da Secretaria Executiva de Coordenação Governamental.

Durante três meses, doze mulheres, líderes comunitárias, atuantes nas áreas da saúde, da educação, dos direitos da pessoa com deficiência, da igualdade racial e da juventude feminista, além de funcionárias dos Centro de Referência Especializada e Assistência Social (Creas), receberam orientação sobre direitos e serviços de diversas áreas públicas. Dividido em seis módulos, o curso teve o planejamento familiar como um dos principais assuntos abordados em aula.

Para a assessora de políticas públicas para mulheres, Eugenia Lisboa Homem, com o decorrer das aulas, as alunas puderam expor e discutir situações de suas comunidades que, sem o conhecimento obtido no curso, não poderiam ajudar a resolver. “Com essas informações, elas serão multiplicadoras e comunicadoras de direitos e serviços”, disse Eugenia.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!