Alga contamina praia das Cigarras e mexilhões

Costa Norte
Publicado em 08/07/2016, às 13h32 - Atualizado em 23/08/2020, às 15h19

FacebookTwitterWhatsApp
Costa Norte
Costa Norte

Foto: Divulgação

A presença de uma microalga, denominada Dinophysis acuminata, produtora de toxinas causadoras de maus estares como diarreia, contaminou a praia das Cigarras, na região central de São Sebastião, que está temporariamente imprópria, de acordo com a Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental).

O comunicado foi feito pelo Setor de Águas Litorâneas após confirmação, via exames de laboratório, de amostras de água nas Cigarras coletadas no domingo passado, 3. Com o resultado, a praia fica interditada para banho, mesmo a própria Cetesb considerando que o risco de intoxicação pelo contato com o mar seja pequeno.

Mexilhões e moluscos afetados

A corrente que traz a microalga afeta também a venda e consumo de mexilhões. Além da recomendação para o não consumo de moluscos na praia da Cigarras, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Caraguatatuba suspendeu a comercialização de mexilhões em todo o município. Os estados de Santa Catarina e Paraná já suspenderam a comercialização do molusco.

A medida foi tomada em caráter preventivo e em conjunto com a Associação dos Maricultores da Cocanha. De acordo com o secretário Auracy Mansano, a corrente está sendo monitorada juntamente com a Cetesb. “Estamos enviando amostras do nosso cultivo e da água para laboratórios oficiais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento”.

Os sintomas da intoxicação do alimento por esta “corrente temporária” são diarreias, vômitos e náuseas. Conforme Mansano, ainda não há como informar em quanto tempo a situação estará normalizada para a comercialização da atividade. “Assim que as correntes passarem e não houver mais riscos de contaminação pelo consumo, a população será avisada.”

O secretário de Meio Ambiente disse que a contaminação do marisco é temporária. “Todos podem ficar tranquilos, pois os mexilhões (animais filtradores) não são afetados permanentemente pelas toxinas. Com o tempo, eles se purificam e acabam ‘engordando’ com essa alta quantidade de nutrientes”, explicou.

na costa sul, em data a ser definida, voltados a pessoas jurídicas com CNPJ. Serão 20 vagas cada um com inscrição a R$ 90,00. Um deles é o Curso Senac: Planejamento para Bares e Restaurantes, e, o outro, Técnicas de Vendas para Bares e Restaurantes, ambos das 9h às 18 horas.

O Posto de Atendimento ao Empreendedor (PAE) de São Sebastião fica à rua Expedicionário  Brasileiro, 207, Centro. Informações: (12) 3892 1549.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!