ANOMALIA

Tubarão de duas cabeças é encontrado em Peruíbe

Cientistas descobriram que tratam-se de gêmeos siameses, com órgãos duplos

Da redação
03/11/2020 às 14:23.
Atualizado em 03/11/2020 às 14:30
 (Divulgação)

(Divulgação)

O primeiro tubarão de duas cabeças foi encontrado no litoral de São Paulo. O tubarão galhudo foi encontrado por pescadores próximo à costa, na divisa entre Itanhaém e Peruíbe.

Participe dos nossos grupos ➤ https://bit.ly/COSTAINFORMA10 📲 Informe-se, denuncie!

De acordo com a equipe de especialistas que estudou o animal, a causa da anomalia pode estar ligada à poluição dos oceanos.

O estudo pioneiro foi realizado pelo professor e biólogo Edris Queiroz e pela pesquisadora Luana Felix, do Instituto de Biologia Marinha e Meio Ambiente (Ibimm) de Peruíbe.

Eles descobriram que é o primeiro caso do mundo, registrado e documentado na literatura científica.

Após análise da anatomia externa e interna, foi constatado que o tubarão é um gêmeo siamês e que não só possui duas cabeças, mas também dois corações e duas colunas vertebrais independentes, além de outros órgãos internos duplos.

O cientista afirmou que é um acontecimento muito raro e que só existem cerca de 10 casos no mundo. Ele explicou que o problema é que eles morrem rapidamente, logo após o nascimento, pois se tornam presas fáceis e acabam sendo predados.

O estudo também contou com a participação dos professores Alberto Amorim e Eduardo Malavasi, do Instituto de Pesca de Santos.

O Sistema Costa Norte de Comunicação atua no litoral paulista há mais de vinte anos levando informação a toda a população com seriedade e imparcialidade

Entre em contato:

Reclamações ou sugestões:

redacao@costanorte.com.br

Comercial e parcerias:

contato@costanorte.com.br

© 2021 Todos Os Direitos Reservados Ao Sistema Costa Norte de Comunicação

Desenvolvido por

Distribuído por