Usuários do transporte público aprovam micro-ônibus nos bairros

Costa Norte
Publicado em 07/02/2014, às 13h43 - Atualizado em 23/08/2020, às 14h14

FacebookTwitterWhatsApp

Desde o último dia 6, usuários do transporte público dos bairros de Boraceia e Chácara Vista Linda fazem uso, por um período experimental, dos micro-ônibus das linhas alimentadoras que fazem parte do sistema integrado de transporte (SIT). E, segundo levantamento da Viação Bertioga, concessionária do serviço no município, a média de pessoas transportadas pelo sistema, nos dois bairros, nos dias de semana, é de 460 por dia, e, nos finais de semana, 394. Esse levantamento é realizado com base na quantidade de vezes que o usuário passou pela catraca do veículo – considerando que, muitas vezes, ele o utiliza na ida e na volta - e refere-se ao período de 6 a 26 de janeiro. Desta forma, uma média de cerca de nove mil usuários passaram pela catraca do veículo nos dois bairros, neste período. Moradora da Chácara Vista Linda, Rosilene Santos de Oliveira está satisfeita com o serviço. “Faço compras e estou sempre cheia de sacolas. Com o ônibus é mais fácil, chego até perto da minha casa”, disse a moradora, proprietária de um comércio no bairro. Ela ainda faz uma sugestão: “é tão bom, que deveria atender outras ruas mais no final do bairro”. A doméstica Edejane de Aguiar Souza também utiliza o serviço. “É muito bom, estou sempre com sacolas e com crianças. Para andar até em casa é muito longe. Desço do ônibus na rodovia Rio-Santos e esse ônibus ajuda muito”. “Pego esse ônibus de vez em quando, mas está muito bom; agora ele vai até pertinho da minha casa”, disse o aposentado Marcos Santos de Paula.

Usuários

Em Boraceia, durante a semana, 191 pessoas utilizam o serviço, em média. No final de semana, são 163 usuários. Já na Chácara Vista Linda são 269 e 231, respectivamente. A Diretoria de Trânsito e Transporte da prefeitura de Bertioga instalou 12 pontos de ônibus em Boraceia, e o trajeto leva cerca de 20 minutos, de acordo com as condições do trânsito e das ruas. Já na Chácara Vista Linda, são 11 pontos e o trajeto leva 25 minutos. O sistema funciona da seguinte maneira: o usuário utiliza o transporte público já existente, até o ponto de ônibus do bairro ao qual pretende chegar, pagando a passagem, como ocorre atualmente. Na entrada do bairro, ele deve descer do veículo e utilizar o micro-ônibus em circulação nas ruas da localidade. Em Boraceia, mais de 10 ruas estão no trajeto, até a região do oleoduto. Na Vista Linda, serão atendidas duas áreas, beneficiando os moradores da Chácara Vista Linda. Para as próximas fases estão previstos mais quatro trajetos: Centro, Jardim São Lourenço, Riviera de São Lourenço e Vicente de Carvalho II. No Centro, a comunidade do Jardim Veleiros e os usuários da balsa serão beneficiados, com o trajeto pelas avenidas Vicente de Carvalho e dos Coqueiros. No Jardim São Lourenço, o veículo vai transitar pela avenida principal, até a orla da praia. A Riviera de São Lourenço será atendida por dois micro-ônibus. O bairro Vicente de Carvalho II também receberá o transporte de micro-ônibus, atendendo cerca de nove ruas. Nesse trajeto estará incluído o terminal de transbordo do Jardim Albatroz. Vale ressaltar que os roteiros serão utilizados de forma experimental e poderão sofrer alterações. O sistema integrado de transporte contempla, ainda, a construção de sete estações de transbordo, no Jardim Albatroz, na rodoviária da Vista Linda, ambos já concluídos; na avenida Anchieta, em frente ao Krill Supermercados; no centro, próximo ao atracadouro da balsa; na Riviera de São Lourenço; e em Boraceia.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!