Secretário de Estado da Habitação diz que investimentos na cidade podem chegar a R$ 80 milhões

Costa Norte
Publicado em 26/01/2013, às 04h25 - Atualizado em 23/08/2020, às 13h55

FacebookTwitterWhatsApp
Costa Norte
Costa Norte

Por Eliana Cirqueira

Cópia do ofício dos vereadores entregue ao secretário estadual

O secretário estadual da Habitação, Silvio Torres, esteve nesta sexta-feira (25), visitando as obras de reurbanização de Vicente de Carvalho II, em Bertioga. De acordo com ele, os investimentos na localidade devem chegar a R$ 80 milhões, até o final da execução do projeto, em 2015. A última avaliação era de R$ 69 milhões, com a construção de 400 unidades habitacionais, sendo 304 casas no estilo sobrado e 96 apartamentos, incluindo as obras de infraestrutura e reurbanização do bairro. Ele esteve acompanhado do diretor regional da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano) da Baixada Santista e Vale do Ribeira, Luiz Carlos Rachid, do superintendente de obras do Litoral da CDHU, o engenheiro Humberto Schmidt, também do presidente da Câmara de Bertioga, Luis Henrique Capellini (PR) e dos vereadores Pacífico (PSDB), Alecrim (PR) e José Feliciano (PTB). “Hoje, o projeto de Vicente de Carvalho II está em R$ 75 milhões, mas, com o tempo, os investimentos devem se ampliar e chegar a R$ 80 milhões. E essa visita a Bertioga também foi uma oportunidade de conhecer outras demandas da região”, contou. Silvio Torres ainda afirmou que 80 casas devem ser entregues ainda este ano e as outras unidades habitacionais até 2015.

Ofício da Câmara Os representantes da Câmara do município aproveitaram a visita do secretário de Estado e solicitaram, por meio de um ofício, a realização de uma audiência pública em Bertioga com o coordenador do Programa de Recuperação Sócio Ambiental da Serra do Mar para debate de propostas habitacionais. De acordo com o vereador Pacífico, o objetivo é trazer para a cidade projetos que resolvam de vez o problema das habitações de interesse social e a regularização fundiária. O documento, entregue a Torres, em plena calçada do Sistema Costa Norte de Comunicação foi assinado pelos representantes do Legislativo e, protocolado no ato pelo secretário de Estado. “Isso que é dar expediente na rua”, brincou Torres. O presidente da Câmara afirmou também que essa foi uma oportunidade de apresentar ao secretário algumas das demandas do município. “A realização de uma audiência é importante porque permitirá debater propostas e parcerias entre o Estado e o município”, completou Capellini.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!