Prisão por porte de arma leva à apreensão de cocaína

Costa Norte
Publicado em 14/05/2015, às 11h41 - Atualizado em 23/08/2020, às 14h35

FacebookTwitterWhatsApp

Por Mayumi Kitamura

Uma prisão por porte ilegal de arma levou a Polícia Militar a apreender 309 pinos e 12 sacos com cocaína no centro da cidade. A princípio, o acusado foi preso somente pelo porte de arma, contudo, devido seu histórico criminal, a Polícia Civil solicitou uma busca à residência, para verificar se ele guardava algum material ilícito.

O suspeito Fábio Kodama, 30 anos, foi detido ao voltar da cachoeira no Sítio São João, quando ainda descia a trilha de acesso. Os policiais, que faziam patrulhamento nas proximidades, pediram que ele parasse e, imediatamente, o acusado jogou uma arma ao chão.

Questionado sobre o revólver de calibre .380 e numeração raspada, Fábio respondeu que o utilizava para proteção pessoal. Na delegacia, os investigadores suspeitaram de que o acusado poderia guardar mais materiais ilícitos, já que possui registros antecedentes  por porte ilegal de arma, roubo e tráfico de entorpecentes. Ao solicitarem a Fábio uma busca em sua residência, ele forneceu diversos endereços, o que levantou mais suspeita. Na casa do indiciado, sob sua cama, os policiais encontraram 309 pinos com cocaína e 12 pequenos sacos com a mesma droga, todas armazenadas em uma mala, num total de mais de meio quilo.

O acusado foi preso em flagrante e deve responder tanto pela posse do entorpecente quanto da arma apreendida.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!