Em um ano, índice de roubos tem aumento

Costa Norte
Publicado em 02/03/2013, às 04h28 - Atualizado em 23/08/2020, às 13h56

FacebookTwitterWhatsApp
Costa Norte
Costa Norte

Por Mayumi Kitamura

Produtos roubados foram recuperados

O índice de furtos e roubos em Bertioga no mês de janeiro cresceu, segundo apontam recentes dados divulgados pela SSP (Secretaria de Estado de Segurança Pública). No comparativo com o ano anterior, o aumento foi de 50% e, com relação a 2011, esse aumento foi de 65%. Os furtos em janeiro apresentaram um crescimento menor, de 43,75%, relacionado a 2012. Em toda a região abrangida pelo Deinter-6 – que engloba a Baixada da Santista e o Vale do Ribeira –, houve aumento nestas ocorrências. Em janeiro de 2012 foram registrados 1582 roubos e 2800 furtos, já no mesmo período de 2013, houve 1598 roubos e 3724 furtos.

Prisões No período do final de dezembro ao fim de fevereiro, a região central de Bertioga passou uma ‘onda’ de assaltos a estabelecimentos comerciais. Somente neste período foram registrados 32 casos de furto e 17 roubos a comércios. Nesta sexta-feira (1º), três pessoas foram presas em flagrante com material furtado de uma papelaria e de uma loja de materiais para construção. Bijuterias, brinquedos, um monitor, caixas de suco e R$ 127 da papelaria foram apreendidos com o grupo. O proprietário de um dos comércios afirmou que esta é a segunda vez neste ano que o local é furtado e ele acha possível que o crime tenha sido cometido pelos mesmos suspeitos. “Não sei se eles sentiram impunidade ou facilidade, mas a gente tenta de toda a maneira. Tem o monitoramento por alarme, tem a segurança da loja em si, mas sabe que bandido é terrível”, disse.

Indícios De acordo com o delegado Marcello Marinho Oliveira, há indícios de que os acusados, que são usuários de drogas, estejam envolvidos nos outros assaltos a estabelecimentos comerciais realizados nos últimos meses. Ainda, segundo informações da polícia ocorreram três furtos na madrugada de quinta para sexta-feira, incluindo a papelaria. Foram presos pelo furto R. A. H, de 31 anos, M. S. G, 20, e C. F. S. C, 35, e, segundo a Polícia Militar, nenhum dos acusados possuía passagem.

Comércio Os proprietários de estabelecimentos furtados, na rua Rafael Costábile, centro, disseram que irão reforçar a segurança, com sistema de alarme e colocação de grades nas janelas. “Cada um agora está se prevenindo da maneira que pode”, disse a proprietária de uma loja furtada no último dia 09. Outra vítima, de um estabelecimento na avenida Luiz Pereira de Campos, disse que gostaria que a cidade tivesse mais rondas da polícia e iluminação, como forma de aumentar a segurança.

O comandante da PM (Polícia Militar), capitão Renato Fincatti, em entrevista à TV Costa Norte, quarta-feira (26), disse que a polícia deve trabalhar cada vez mais e direcionar as rondas para que estejam no ‘local certo e na hora certa’ e pediu o apoio dos comerciantes.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!