Bertioga abre Virada Inclusiva com extensa programação

Costa Norte
Publicado em 28/11/2014, às 18h27 - Atualizado em 23/08/2020, às 14h28

FacebookTwitterWhatsApp
Costa Norte
Costa Norte
Dentre as atividades, exposição de trabalhos de alunos da Apae do município

A 5ª edição da Virada Inclusiva, idealizada e coordenada pela Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, realiza-se em todo o estado a partir do dia 3 de dezembro, data na qual se celebra o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência. Em Bertioga, o evento será aberto neste sábado, 29, no Quiosque 4, na praia da Enseada. A Diretoria de Acessibilidade e Inclusão (DAI) do município preparou uma extensa programação, com diversas atividades das 9h às 17 horas. Haverá oficinas; práticas inclusivas; exposição de artesanato dos assistidos pela Apae e pelo Núcleo de Apoio à Criança Especial (Nace); e vídeos sobre práticas de acessibilidade e de turismo acessível. O programa Praia Acessível também faz parte das atividades e estará com monitores em quatro pontos da cidade, entre este sábado e 3 de dezembro. Dia 1º de dezembro haverá o 3º encontro Bertioga-Santo André Acessível, no Cantão do Indaiá, com expectativa de público de cerca de 350 pessoas, segundo o diretor de Acessibilidade e Inclusão, professor Augusto Coelho Filho. Já no dia 5, acontecem as atividades de Ecocaique e Caiaque Inclusivo, também no Cantão do Indaiá, das 10h às 15 horas.

Outras cidades Em Guarujá, a programação da Virada Inclusiva acontece no próximo dia 6 de dezembro, das 9h00 às 12h, em dois pontos da cidade. Na praça dos Expedicionários, localizada na praia das Pitangueiras, haverá apresentação cultural com cantores, músicos e poetas; exposição e vendas de produtos de entidades; e passeio na faixa de areia com cadeiras anfíbias. Já na praia das Pitangueiras, haverá apresentação da peça Transporte Inclusivo, futebol adaptado e banho de mar assistido. As atividades são coordenadas pelo Conselho da Pessoa com Deficiência do Guarujá. Em Santos, a Virada Inclusiva também acontece no dia 6 de dezembro, com uma camerata de violões infanto-juvenil, às 16 horas, no Museu do Café, localizado na rua XV de Novembro, 95 – Centro, com colaboração de Santa Marcelina Organização Social e Cultura, Programa Guri / Emesp Tom Jobim.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!