Alunos, professores e diretores se envolvem com o CNE

Costa Norte
Publicado em 07/07/2012, às 04h46 - Atualizado em 23/08/2020, às 13h44

FacebookTwitterWhatsApp

A participação dos alunos no CNE, por escola, é superior a 90%, de acordo com o idealizador do projeto, Roberto Zaidan. Para ele, o sucesso foi conquistado por meio do empenho de diretores, professores e dos próprios alunos. “Os diretores conseguem incentivar os professores, que por sua vez incentivam os alunos. Não somente pela premiação, mas pelo conhecimento, pela proteção ao meio ambiente”.

O estudante Rodrigo Alves Araújo, do 5º ano da Emeif Vista Linda, um dos ganhadores, considera o projeto importante. “Incentiva as crianças a ajudar o planeta e ter um futuro melhor para as novas gerações”, disse o aluno, mostrando o que aprendeu com o CNE. Sobre a fórmula para ser vitorioso ele diz: “Passamos a limpo duas vezes até ficar bom mesmo, nos ‘trinks’ para mandar para o Costa Norte”.

O pai de Rodrigo, o funcionário público Marcelo Gomes de Araújo aprovou o concurso, pela forma diferente de aplicar a educação ambiental. Ele revelou que para seu filho, o desafio foi mais importante do que o prêmio. “Ele comenta em casa que estava fazendo o trabalho. Ele é muito engajado nessas coisas de meio ambiente e muito participativo. Por incrível que parece ele não comentou sobre a premiação, mas ficou muito feliz de ter ganhado”.

Motivação

A EM Jardim Vista Linda é uma das unidades com conta com a maior participação dos alunos no projeto. Para o diretor, Luiz Martins, o segredo é o incentivo. “Motivamos os professores a melhorar sempre o trabalho e o benéfico, além da premiação é o aprendizado da consciência ambiental”.

Apostila

A professora Valdinete da Conceição, da Emeif Prof. Delphino Stockler de Lima, considera o projeto excelente por elevar conhecimento à criança. “Os temas estão de acordo com o que está em apostila. Eu trabalho com as crianças montando um projeto, divido em etapas e abordo o tema dentro de todas as disciplinas. É possível fazer um trabalho completo”.

Nova etapa

O CNE vai iniciar a 5ª etapa no 2º semestre deste ano, com novos temas e propostas. O projeto conta com apoio da Sabesp/Governo do Estado, Sesc-Bertioga, Mare Incorporadora  e Sobloco Construtora.

Comentários

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!