Nesta quarta-feira (24), policiais civis da 1ª  Delegacia de Polícia Antissequestro (DAS), do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (DOPE), deflagraram uma operação denominada “Itapecerica da Serra”, com o objetivo de cumprir mandados de busca e apreensão e de prisões temporárias expedidos contra integrantes de uma organização criminosa especializada em extorsões mediante sequestro. A quadrilha agia na região da Grande São Paulo.

As investigações se iniciaram em 20 de setembro de 2020, logo após um homem ter sido arrebatado por três sequestradores, em um sítio localizado na Estrada Maria Soares Pereira, em São Lourenço da Serra. Os criminosos fugiram levando o carro da esposa da vítima. Horas após, a família recebeu um telefonema solicitando o resgate no valor de R$ 1 milhão.

Houve o monitoramento da equipe especializada e em 23 de setembro a vítima foi libertada em Itapecerica da Serra.

A equipe, usando métodos e técnicas de investigação, conseguiu identificar sete suspeitos e, nesta data, deflagrou as atuações de campo, com o objetivo de vistoriar seus imóveis e realizar suas prisões.

Um dos suspeitos já se encontra preso, enquanto outro encontra-se foragido e um terceiro faleceu em um acidente. Os demais foram presos e na casa de um deles, os policiais encontraram um revólver, calibre 38 e munições.

Participaram das ações cerca de 40 policiais em 40 viaturas.Polícia Civil SP