O corpo de um dos membros da quadrilha que roubava condomínios de luxo em Bertioga, foi identificado pela Polícia Civil da cidade, como sendo do André da Silva Fagundes. Em um primeiro momento, André, que foi morto por uma de suas vítimas em Peruíbe, foi dado como desconhecido e estava no IML de Praia Grande.

 

O jovem estava foragido desde o dia 31 de julho e morreu na madrugada do dia 2, de setembro, após invadir uma residência para rouba-la. Durante o ato criminoso uma das vítimas entrou em uma luta corporal com André, que foi atingido pela própria arma.

 

Participe dos nossos grupos 👉 http://bit.ly/COSTAINFO5 📲 Informe-se, denuncie ℹ

 

O Portal Costa Norte apurou que André tinha vários mandados de prisão contra ele, um deles por pertencer ao Tribunal do crime do PCC.  

 

O assalto que terminou em morte

Conforme apurado pela redação, ao invadir a casa da vítima, André acabou entrando em luta corporal com o dono da casa e foi atingido pela arma com uma perfuração abaixo dos olhos, sem sinal de saída.

 

A reportagem entrou em contato com o delegado titular de Bertioga, doutor José Aparecido Cardia que, por sua vez, limitou-se apenas a confirmar as informações. Cardia ressalta que André foi mais uma vez identificado pelas impressões digitais.