A Polícia Civil prendeu um homem de 30 anos e uma mulher de 43, após flagrá-los entrando em um depósito de entorpecentes, na noite de sábado (30), no Guarujá. Na ação, 79 tijolos de maconha foram apreendidos.

Participe dos nossos grupos ℹ  http://bit.ly/CNAGORA3   🕵‍♂Informe-se, denuncie!

Equipes da 2ª Delegacia de Polícia de Investigações Gerais (DIG) da Divisão Especializada de Investigações Criminais do Deic da região de Santos (Deinter 6), realizavam investigações para combater o tráfico de drogas, quando foi descoberto que um local, no bairro Jardim Progresso, era utilizado para armazenar substâncias ilícitas. Os entorpecentes abasteceriam os pontos de comércio de drogas de toda a Baixada Santista.

Diante da informação, os agentes foram até o endereço e iniciaram o monitoramento. Em certo momento, avistaram um veículo VW/Polo chegando ao local, ocupado pelo casal que logo saiu do carro em direção ao imóvel. O homem tirou do bolso um molho de chaves para abrir a porta e foi neste instante que a equipe do Deic realizou a abordagem.

Em revista pessoal, os policiais civis encontraram 3 tijolos de maconha com a mulher. A dupla permitiu a entrada dos agentes no depósito, onde mais 76 tijolos da substância foram localizados, bem como uma balança de precisão, rolos de filme plástico e outros utensílios utilizados na prática ilícita.

Todo o entorpecente, que somou 92 kg, foi apreendido e encaminhado para perícia. O restante do material também foi apreendido, assim como o veículo que era usado no transporte e distribuição da droga.

O casal foi preso em flagrante e levado à especializada, onde foi atuado por tráfico e associação ao tráfico de entorpecentes. Investigações prosseguem para continuar coibindo este tipo de crime na região.