Prossegue até o dia 30 de outubro, o prazo para que estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e de ensino médio, de escolas municipais, estaduais e particulares retirem documento de atualização vacinal.

 

A programação para esses níveis de ensino começou no último dia 28 de setembro. O atendimento foi mantido mesmo com as aulas presenciais suspensas na rede municipal de Guarujá devido à pandemia do novo coronavírus. 

 

Para isso, alunos, pais ou responsáveis devem se dirigir à unidade de Saúde mais próxima de sua residência ou onde possuem cadastro, para fazer a atualização vacinal. É necessário estar munido da carteira de vacinação do aluno, sendo obrigatório o uso de máscara.  

 

Participe dos nossos grupos 👉 http://bit.ly/COSTAINFO5 📲 Informe-se, denuncie ℹ

 

No equipamento de saúde, o profissional faz a verificação da situação vacinal do estudante, e se houver necessidade, o aluno recebe vacinas em atraso. Desde 2019, a atualização vacinal é uma exigência para as matrículas e rematrículas na rede escolar de Guarujá.

 

O cronograma de retirada documento foi iniciado em maio deste ano envolvendo os estudantes dos ensinos Infantil e Fundamental. A partir deste ano as unidades de Saúde passaram a carimbar a carteira de vacina da criança, como prova da quitação vacinal.

 

O documento precisa ser apresentado na escola onde o aluno está matriculado. A iniciativa é da Secretaria de Educação, Esporte e Lazer (Sedel), por meio da Diretoria de Planejamento e Vida Escolar, em uma parceria com a Secretaria de Saúde (Sesau).