A Baixada Santista no litoral de São Paulo ganhou 18 mil novos eleitores em relação a última eleição, no ano de 2018. Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o eleitorado da região subiu 1,3%, passando de 1.353.426 milhão para 1.371.693 eleitores, 18.267 a mais.

Participe dos nossos grupos ➤ http://bit.ly/COSTAINFORMA8 📲 Informe-se, denuncie!

No entanto, esse aumento se concentrou em algumas cidades, como Bertioga, Praia Grande, Mongaguá, Itanhaém e Peruíbe. Nas demais, houve queda no número de eleitores. A cidade que mais teve aumento de eleitores foi Praia Grande, com 12.594 novos moradores.

O primeiro e segundo turnos estão marcados para 15 e 29 de novembro. As cidades que  podem decidir as eleições no segundo turno são Guarujá, Praia Grande, Santos e São Vicente - todas com mais de 200 mil eleitores.

Os locais de votação ficarão disponíveis entre às 7 e às 17 horas, e o período das 7h às 10h será preferencial a eleitores com mais de 60 anos.

Na Baixada Santista, a maioria dos eleitores já possui a identificação por biometria, mas neste ano, ela não será adotada por conta da pandemia de coronavírus.

O uso de máscara nos locais de votação e a higienização das mãos com álcool em gel antes e após o voto na urna serão obrigatórios. A recomendação do TSE é que os eleitores levem a própria caneta, para evitar o risco de contaminação, devido ao compartilhamento de itens.