Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
SEGURANÇA DE MILHÕES

Cachorro “se rende” junto a criminosos em ação policial | ASSISTA

Animal usado como segurança da chácara foi libertado sem ferimentos pela Dise; ação policial resultou em apreensão de mais de 1 tonelada de maconha

29/07/2022 às 12:12.
Atualizado em 29/07/2022 às 13:33
Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Animal era usado como segurança da chácara e foi libertado sem ferimentos pela Dise (Reprodução Dise)

Animal era usado como segurança da chácara e foi libertado sem ferimentos pela Dise (Reprodução Dise)

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

A Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) de Americana, no interior de São Paulo, apreendeu 1,1 tonelada de maconha, na Vila Real, em Hortolândia, na quinta-feira (28). Na ação policial, três homens foram presos.

Mas o que chamou a atenção da equipe policial foi que, durante a ação, um cão da raça rotweiller, que era usado como "segurança" da chácara onde os entorpecentes foram localizados, segundo a Polícia Civil, se "rendeu" ao lado dos homens.

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

➥ 𝗦𝗶𝗴𝗮 𝗼 𝗖𝗼𝘀𝘁𝗮 𝗡𝗼𝗿𝘁𝗲 𝗲𝗺 𝘁𝗼𝗱𝗮𝘀 𝗮𝘀 𝗽𝗹𝗮𝘁𝗮𝗳𝗼𝗿𝗺𝗮𝘀: https://linktr.ee/costanorteoficial

Em um vídeo divulgado pela Dise é possível ver o momento exato em que os policiais rendem os criminosos, os mobilizam no chão da residência e, ao lado do trio, o cachorro também se deita, facilitando o trabalho das autoridades.

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Veja o vídeo

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), o animal foi "liberado" para a companheira de um dos suspeitos presos, outros três cães estavam na chácara no momento da ação.

Ainda segundo a SSP, uma equipe de especialistas deve voltar ao local para analisar as condições dos animais e avaliar a necessidade de acionar uma ONG de proteção animal.

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Apreensão de drogas

Dise apreendeu mais de uma tonelada de maconha (Junior Guarnieri / Liberal)

A investigação da Dise monitorava a chácara havia quatro dias e apuraram que o local receberia um carregamento da droga, avaliada em R$ 1 milhão, de Campo Grande, no Mato grosso do Sul, e abasteceria as regiões de Hortolândia, Sumaré, Campinas, Americana e Limeira.

“O local já estava sendo monitorado há quatro dias. No momento em que localizamos um dos suspeitos sobre o caminhão, decidimos fazer a abordagem. Todos tentaram fugir, mas foram presos. O trabalho de investigação continuará a ser realizado, para identificar outros envolvidos”, disse o delegado Marco Antonio Pozeti à imprensa local.

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Leia os destaques jornalísticos do dia ➥ https://bit.ly/CNgooglenoticias

Os homens foram presos por tráfico de drogas e associação ao tráfico. Na delegacia os suspeitos prestaram depoimento e permanecerão presos, até que sejam encaminhados às respectivas audiências de custódia.

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

O Portal Costa Norte é um dos veículos de comunicação do Sistema Costa Norte de Comunicação, empresa que atua no litoral paulista há mais de trinta anos levando informação a toda a população com seriedade e imparcialidade.

Sistema Costa Norte de Comunicação© Copyright 2022Todos os direitos reservados ao Sistema Costa Norte de Comunicação.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por