Vacinação

Vacinas: São Sebastião alega perda de 3 mil doses; Ubatuba tem déficit de doses contra Covid-19

Em São Sebastião, unidades de saúde que reservam vacinas não tem sistema 'no break' e com queda de energia refrigeração é desativada e mais de 3 mil doses foram perdidas. Gestão quer que EDP pague por sistema de segurança. Já em Ubatuba, segundo a secretária de Saúde há déficit no envio de doses do governo ao município

Da redação
21/04/2021 às 15:47.
Atualizado em 21/04/2021 às 15:50
Cidades do Litoral Norte têm problemas com vacinas (Foto: Divulgação)

Cidades do Litoral Norte têm problemas com vacinas (Foto: Divulgação)

Um apagão no último domingo (18) pode ter ocasionado a perda de 3 mil doses de vacina em São Sebastião. A Prefeitura alega ter perdido essa quantidade de vacinas após quedas de energia na cidade. As doses de Covid-19 não foram afetadas, segundo a prefeitura. A gestão afirma que desde janeiro teriam ocorrido mais de 20 falhas no serviço, o que levou às perdas em unidades que não tem sistema ‘no break’

A administração acionou o Procon e encaminhou ofício à EDP, fornecedora de energia elétrica, pedindo que a empresa indeniza a cidade com a instalação de sistemas de segurança contra queda de energia nas unidades de saúde.

Segundo a secretaria de Saúde foram pedidas 3.216 doses. Entre elas, imunizantes contra Febre Amarela, Pneumo 10, HPV, Penta, Rotavírus, Meningo C, SCR, DT, HB, VOP, VOP, DTP, Raiba, BCG, Varicela, Hepatite A, DTPA, Hepatite B, ACWY, Aceluar Especial e Hepatite C.

O que diz a EDP

Em nota, a EDP informou que foi notificada sobre o pedido de indenização e que aguarda informações mais detalhadas sobre as unidades de saúde para realização de análises técnicas do sistema elétrico local.

A empresa também ressaltou que o seu procedimento de análise é regulado e fiscalizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e que está à disposição para fornecer as informações que forem demandadas.

Ubatuba

A secretária de Saúde de Ubatuba também passa por problemas quando o assunto é vacina. De acordo com a gestão, há um déficit no envio das doses ao município.

A secretaria de Saúde lembra que o país inteiro sofre com o desabastecimento de doses. Por isso, solicita que a população atualize seu cadastro, mantenha as medidas sanitárias de prevenção, principalmente o isolamento social, uso de máscara e higiene frequente das mãos, e tenha paciência.

O município regularmente comunica à secretaria estadual o déficit de vacinas e solicita o envio de doses complementares que, conforme chegam, são aplicadas na população cadastrada. Há resíduo populacional sem vacina em todos os grupos prioritários já atendidos. Um exemplo: o município recebeu um total de 570 doses para vacinar a faixa etária de 68 anos de idade. Porém, a estimativa de pessoas a vacinar nessa faixa etária é de 1.100 pessoas.

Com o objetivo de reduzir a aglomeração em postos de saúde, a Prefeitura de Ubatuba informa que a vacinação de idosos contra a Covid-19 passará a ser realizada apenas no domicílio.

Pessoas cadastradas, que já têm prontuário na unidade de saúde do bairro, devem aguardar contato da equipe de Estratégia de Saúde da Família.

Já quem mudou de endereço ou não tem certeza se o cadastro está atualizado, deve entrar em contato com a unidade de saúde ou então informar os dados atualizados no formulário disponível online em https://cutt.ly/axuDC0Q. 

“As equipes de Saúde também sofrem com a pandemia. Há muitos profissionais afastados em decorrência de estafa ou problemas de saúde mental, além da Covid-19 mesmo”, explica Sheila Barbosa, secretária da pasta. “Pedimos paciência e também respeito com nossos profissionais de Saúde”, concluiu.

O Sistema Costa Norte de Comunicação atua no litoral paulista há mais de vinte anos levando informação a toda a população com seriedade e imparcialidade

Entre em contato:

Reclamações ou sugestões:

redacao@costanorte.com.br

Comercial e parcerias:

contato@costanorte.com.br

© 2021 Todos Os Direitos Reservados Ao Sistema Costa Norte de Comunicação

Desenvolvido por

Distribuído por