Já está em funcionamento o terceiro quiosque no estilo de restaurante sediado no calçadão da orla de Praia Grande. A nova unidade, que foi inaugurada na sexta-feira, 8, fica localizada no bairro Aviação. No total, a cidade terá 18 espaços deste tipo que se configuram como importantes atrações para munícipes e turistas e também geradores de empregos diretos e indiretos.

Participe dos nossos grupos ➤ http://bit.ly/CostaNorteInforma  📲 Informe-se, denuncie! 🔵

As duas primeiras unidades inauguradas ficam sediadas no bairro Guilhermina. O novo restaurante na Aviação é o Quintal do Espeto. As obras dos outros 15 espaços seguem em ritmo acelerado e deverão ser entregues em breve.

A prefeita de Praia Grande, Raquel Chini, visitou a nova unidade na sexta. A chefe do Executivo praia-grandense conversou com os proprietários e funcionários, desejando boa sorte a todos e destacando que esses espaços colaboram para o desenvolvimento da cidade e também a retomada econômica neste atual momento que o Brasil atravessa e também no período pós-pandemia.

“Praia Grande vem se destacando com a abertura de diversas vagas de trabalho, mesmo com a atual crise em que o país está. Isso é por acaso, mas sim pelas obras de infraestrutura que a cidade fez nos últimos anos. Reforço meu compromisso de buscar o melhor para as pessoas e manter o município no rumo do desenvolvimento. Agradeço o interesse dos investidores em atuarem em Praia Grande, desejo boa sorte a todos”, comentou a prefeita.

Os espaços amplos e confortáveis, localizados a poucos metros do mar, já caíram no gosto das pessoas que passeiam pela orla de Praia Grande. Além da estrutura interna, com moderno bar e um projeto arquitetônico contemporâneo, um dos destaques apontado é o deck que adentra a areia e oferece um clima praiano para todas as unidades. Uma junção perfeita entre o sofisticado e o ambiente mais despojado da praia. Muitos munícipes e turistas param em frente aos novos restaurantes para tirar fotos, o que demonstra e reforça o potencial turístico dos locais.

LEIA MAIS   Praia Grande inaugura modernos restaurantes na orla da praia

LEIA MAIS ➤ Prefeitos de Praia Grande e S.B. do Campo trocam acusações sobre restrições contra Covid-19 em SP

Projeto

A inauguração dos novos restaurantes, empreendimentos particulares possíveis através de concessões oriundas de processo licitatório que seguiu toda a legislação atual vigente, faz parte da nova fase da reurbanização da orla praia-grandense. As unidades entram no lugar dos antigos quiosques.

O projeto dos quiosques no estilo de restaurantes tem por objetivo modernizar e tornar os locais ainda mais atrativos aos clientes e, desta forma, incrementar o turismo e a atividade econômica do município, além de valorizar os estabelecimentos com a criação de uma grande estrutura para comércio e prestação de serviços. Os módulos destinados ao comércio na orla marítima contam com uma área total de 541 m², sendo a área construída de 214,00 m², a faixa de exploração na areia de 270,90 m² e as rampas de acesso à praia de 56,80 m².

História 

Nos anos 90, com a reformulação da orla da praia, um novo projeto urbanístico permitiu que os proprietários das barracas pudessem, por meio de concessão, exercer suas atividades em quiosques padronizados, por tempo aproximado de 20 anos, não sendo permitido realizar transferência do bem. Mas não foi o que ocorreu. Muitos permissionários transferiram os espaços e outros deixaram de trabalhar.

Em 2008, o Ministério Público entrou com uma ação civil pública que resultou em um termo de acordo judicial (TAC) que determinou a realização de licitação para o uso desses espaços. Em 2015, os "quiosqueiros" participaram de uma reunião com a administração municipal, na qual foram informados sobre a obrigatoriedade da realização da licitação.

Em 2017, com a assinatura de termo de adesão, a União transferiu para o município as autorizações para realização de eventos esportivos e culturais, assim como a instalação de quiosques nas praias e/ou orla da cidade. Com isso todas as ações necessárias para a execução do projeto foram concluídas. Assim, obedecendo ao que fora acordado com o Ministério Público, a prefeitura realizou a licitação dos 18 espaços.