São Vicente está no projeto ‘Crescer com Proteção’, desenvolvido em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e o Ministério Público do Trabalho (MPT). Com isso, o município promoverá assistências contra a violência, unindo-se a outras sete cidades (Cananeia, Ilha Comprida, Iguape, Peruíbe, Itanhaém, Mongaguá e Praia Grande) com o objetivo de assegurar os direitos das crianças e dos adolescentes da região.

Em videoconferência, com as participações da chefe do Unicef de São Paulo, Adriana Alvarenga; do gerente de proteção em São Paulo, Raniere Pontes; e do prefeito de São Vicente, Pedro Gouvêa, foi apresentada a proposta do projeto, visando conscientizar e engajar os jovens por meio dos núcleos de cidadania.

Pela proposta, os desenvolvedores do projeto realizam uma análise de situação de indicadores, privações de direitos e múltiplas dimensões do sistema de garantia de atribuições para, assim, mobilizarem os munícipes e prevenirem e detectarem todas as formas de violência.

As equipes técnicas e gestoras da Educação, Saúde, Serviço Social e Segurança Pública das oito regiões participantes serão capacitadas com ferramentas de prevenção, para saberem as melhores formas de lidar e garantir a segurança dos jovens.

Participe dos nossos grupos ℹ https://chat.whatsapp.com/JfTo5oHKbWzKkWWsu2l1wm 🕵‍♂Informe-se, denuncie!

“Fico feliz em saber que as propostas definidas estão amplamente conectadas com o trabalho já desenvolvido em São Vicente. Agora, vamos todos juntos, e ainda mais fortes, dar continuidade e ampliar tudo o que é feito em benefício de nossas crianças e nossos adolescentes”, destacou o prefeito.

Pedro fez referência aos projetos municipais, desenvolvidos em conjunto pelas secretarias de Saúde (Sesau), Educação (Seduc) e Assistência Social (Seas). “Em São Vicente, temos uma aproximação entre a Educação, a Saúde e a Assistência Social. É um trabalho de muita união e que tem obtido bons resultados, assistindo a todas às crianças e aos adolescentes que necessitam de apoio”, comentou a médica Vera Sarmento, secretária de Saúde.

A professora Eugênia Marcondes, secretária de Educação, também enalteceu a parceria entre as secretarias vicentinas e a que foi formalizada com o Unicef. “As propostas vêm para somar com o que temos feito. Isso é muito importante”, garantiu.