No intuito de ajudar quem mais precisa, na segunda-feira, 21, a prefeitura de Guarujá começa a entregar 6.664 cestas básicas, destinadas a famílias em extrema pobreza da cidade. A iniciativa integra o Programa Alimento Solidário, do governo do estado, que visa garantir segurança alimentar da população em vulnerabilidade social durante a pandemia da covid-19. Esta é a segunda remessa da ação, a primeira foi entregue no mês de maio, para as mesmas famílias.

Participe dos nossos grupos http://bit.ly/COSTAINFO5 📲 Informe-se, denuncie ℹ

O benefício é destinado exclusivamente a famílias em situação de extrema pobreza cadastradas no Programa Bolsa Família (incluídas no Cadastro Único – Cadúnico), que possuem renda mensal de até R$ 89,00 per capita. A lista com os nomes dos contemplados, locais e horários para retirada está disponível no site da prefeitura (www.guaruja.sp.gov.br). No portal, basta clicar na logomarca do Programa Alimento Solidário. 

A prefeitura esclarece que só poderá receber a cesta o beneficiário que estiver com RG ou documento válido com foto em mãos. É imprescindível uso de máscara de proteção facial nos locais de entrega.

A distribuição será organizada em quatro polos em diferentes regiões da cidade, nos períodos da manhã e tarde: Ginásio Guaibê (avenida Santos Dumont, 420, Santo Antônio); Escola Primeiro de Maio (avenida Adriano Dias dos Santos, 611, Vicente de Carvalho); Centro Esportivo Santa Cruz (estrada Santa Cruz dos Navegantes, s/nº); e Escola Municipal Mario Cerqueira Leite Filho (rua Javari, 95, Balneario Perequê).

 

Cestas

A cesta de alimentos foi elaborada pela equipe de nutricionistas do Hospital Israelita Albert Einstein. A caixa contém sete fontes de proteínas diferentes (feijão, lentilha, leite em pó, sardinha, charque, linguiça e ervilha), além de produtos como arroz, farinha, macarrão e biscoitos, entre outros suficientes para a alimentação de uma família de quatro pessoas por um mês. A ação será coordenada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Assistência Social (Sedeas).