DESCIDA DE SERRA DESESTIMULADA

Operações de 'descida de serra' rumo às praias de SP devem ser suspensas na fase emergencial

Operações rodoviárias são ativadas aos finais de semana e feriados. Como forma de desestimular aglomerações nas praias, prefeituras da Baixada Santista pediram suspensão de operações ao governo de São Paulo, logo após anuncio de endurecimento da quarentena; Ecovias informou que aguarda comunicação oficial sobre possível suspensão

Da redação
14/03/2021 às 11:47.
Atualizado em 14/03/2021 às 18:14
Prefeituras da Baixada entendem que operações estimulam o intenso fluxo turístico para as praias e pediram apoio do governo estadual (Imagem: Rodovia dos Imigrantes - Nilton Fukuda  Estadão Conteúdo)

Prefeituras da Baixada entendem que operações estimulam o intenso fluxo turístico para as praias e pediram apoio do governo estadual (Imagem: Rodovia dos Imigrantes - Nilton Fukuda Estadão Conteúdo)

As operações rodoviárias que favorecem a descida serra podem ser suspensas nos próximos finais de semana da fase emergencial da quarentena nas principais vias que conduzem à Baixada Santista. A Ecovias, concessionária do SAI (Sistema Anchieta-Imigrantes) complexo  que abrange algumas das mais movimentadas rodovias que conduzem os veículos às praias de São Paulo, afirmou, na manhã deste domingo (14), que “aguarda aguarda a comunicação oficial sobre a possível suspensão da realização da Operação Descida”.

As chamadas operações de descida nas vias são acionadas nos dias de maior fluxo de veículos em direção ao litoral de SP, como finais de semana ensolarados e feriados como forma de mitigar os congestionamentos. Entretanto, no entendimento do Condesb (Conselho de Desenvolvimento da Baixada Santista) as operações também favorecem o intenso fluxo turístico para a região, o que é um contrassenso num período de restrições severas com praias fechadas, tal como durante a fase emergencial que passa a vigorar na próxima segunda-feira (15).

Por esse motivo, o órgão, que aglutina as nove prefeituras da Baixada Santista, decidiu, na última quinta-feira (11), solicitar ao governo estadual, que tem poder administrativo sobre as estradas, a suspensão das operações, como forma de desestimular a descida de serra.

O órgão também pediu a instalação de barreiras sanitárias no alto da serra e o envio de mais efetivo da Polícia Militar no monitoramento das praias, mas só obteve uma sinalização positiva do governo estadual para o pedido de cancelamento das operações de descida de serra.

Com isso, é esperado que as operações sejam suspensas ao longo dos próximos dois finais de semana em que vigorará a fase emergencial da quarentena (20,21, 27 e 28 de março). A concessionária Ecovias também informou que, mesmo neste final de semana, já é percebida uma diminuição no tráfego sentido litoral e atribuiu a mudança às novas medidas de restrição adotadas pelo Governo do Estado.

Segundo a concessionária, "o número de veículos que se dirigiram ao litoral até a manhã deste domingo (14) é 15,49% menor que o esperado para finais de semana de sol nesta época do ano".

Mesmo assim, com a maioria das praias fechadas pelas gestões municipais do litoral paulista, mais de 110 mil veículos passaram pelas rodovias do SAI em direção ao litoral da primeira hora de sexta-feira (12) até às 8h deste domingo.

O Sistema Costa Norte de Comunicação atua no litoral paulista há mais de vinte anos levando informação a toda a população com seriedade e imparcialidade

Entre em contato:

Reclamações ou sugestões:

redacao@costanorte.com.br

Comercial e parcerias:

contato@costanorte.com.br

© 2021 Todos Os Direitos Reservados Ao Sistema Costa Norte de Comunicação

Desenvolvido por

Distribuído por