Palmeiras e Sport entraram em campo, no Allianz Parque, na noite de domingo, com o mesmo intuito: vencer! O Palmeiras teve mais posse de bola, chutou mais ao gol, entretanto, a semelhança de ambas as equipes com o mesmo objetivo se refletiu no placar, no final, empate em 2 x 2.

O verdão, pensando nas primeiras colocações do brasileirão foi para cima do Sport. Logo no começo do jogo, o Palmeiras teve algumas chances. Porém, aos 10 minutos, no primeiro ataque do time do Recife, Patric foi empurrado por Wesley e o juiz Diego Pombo Lopez marcou pênalti. Iago Maidana cobrou e abriu o placar para o Sport.

Os comandados de Luxemburgo trataram de apertar mais o ritmo, e o Palmeiras quase chegou ao empate com Zé Rafael. E de tanto apertar, aos 28 minutos, o time da casa igualou o jogo numa falha do setor defensivo do time pernambucano. O atacante Willian ganhou uma bola de presente e teve apenas o trabalho de tirar o goleiro e tocar para o gol.

E ainda no primeiro tempo, o Palmeiras virou com um golaço de Zé Rafael, que deu um belo chute de fora da área e acertou o gol em cheio, aos 41.

Tudo ia tão bem para os lados do Palmeiras que logo depois da virada, o Sport perdeu um jogador. Sander fez falta dura em Wesley e foi expulso. Após a exclusão, o técnico do Leão de Pernambuco, Jair Ventura, sacou o atacante Hernane e colocou Luciano Juba um pouco antes do término da primeira etapa.

2º tempo com mudanças

No comecinho da segunda etapa, Jair Ventura promoveu mais mudanças, foram duas: tirou Ronaldo Henrique e colocou Marcão Silva e sacou Leandro Barcia botou em campo Rogério. O técnico Vanderlei Luxemburgo também promoveu mudanças, mas durante o intervalo de jogo. O treinador trocou Ramires por Danilo e Wesley por Gabriel Veron.

Com a bola rolando, o Palmeiras continuou a levar perigo. Aos dois minutos, Willian poderia ter feito o terceiro, e perdeu boa chance de ampliar o marcador.

Acuado, o Sport teve como alternativa o contra-ataque, e aos sete minutos, na primeira tentativa do time do nordeste, o palmeirense Zé Rafael teve que fazer falta para impedir um ataque perigoso dos adversários e levou um cartão amarelo.

Seis minutos mais tarde, o mesmo Zé Rafael travou outro ataque pernambucano com falta, deixando o braço no rosto do adversário, e dessa vez, o árbitro deu vermelho para o jogador.

E então, aos 18 minutos, o castigo veio para o verdão, Lucas Mugni recebeu belo passe dentro da área e empatou a partida.

Luxemburgo promoveu mais mudanças no time, mas chance real mesmo, só aos 47 minutos. Willian recebeu bola na área, tirou do goleiro do Sport e tocou para Gabriel Veron que não alcançou. Três minutos depois, o juiz encerrou a partida. Com o resultado, o Palmeiras ficou na sexta posição e o Sport na décima quarta.

O próximo desafio do Verdão será na quarta-feira, às 21:30, pelo Libertadores contra o Bolívar.