Neste domingo, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Internacional venceu o Fortaleza por 4 a 2, em casa, e chegou a marca de sete vitórias seguidas na temporada. Yuri Alberto, Rodrigo Dourado, Peglow e Carlinhos, contra, anotaram os tentos colorados, enquanto Wellington Paulista, de pênalti, e Romarinho descontaram para os visitantes.

Com o resultado, a equipe gaúcha foi a 56 pontos, reassumindo a vice-liderança da competição e diminuindo a diferença para o líder São Paulo, que ficou apenas no empate com o Athletico-PR, para apenas um ponto. Já o Leão estacionou na 16ª colocação, com 32, apenas três a mais que o Bahia, primeiro clube dentro do Z4.

Na próxima rodada, o Inter visita o São Paulo, quarta-feira, no Estádio do Morumbi. Em caso de vitória, o time do técnico Abel Braga assume a liderança do Brasileirão. No dia seguinte, o Fortaleza recebe o Santos, na Arena Castelão.

O jogo - Os anfitriões começaram com tudo no Beira-Rio. Com o relógio marcando apenas três minutos, Rodrigo Dourado tomou a bola no meio de campo e acionou Praxedes, que, por sua vez, cruzou na medida para Yuri Alberto cabecear para a defesa de Felipe Alves. No entanto, o goleiro deu rebote, e o próprio atacante colorado aproveitou para abrir o placar.

E não demorou para a vantagem aumentar. Aos nove, Moisés cobrou falta da ponta esquerda, e Rodrigo Dourado subiu mais que todo mundo para testar firme para o fundo da rede.

A resposta dos visitantes aconteceu aos 11 minutos, quando Carlinhos pegou a sobra de bola na entrada da área e foi derrubado por Caio Vidal. O árbitro, então, sinalizou pênalti. Na cobrança, Wellington Paulista deslocou Marcelo Lomba e descontou.

Com 28 minutos, o Inter teve uma ótima chance para voltar a abrir dois gols de diferença. Victor Cuesta cobrou falta da intermediária e carimbou o travessão.

Yuri Aberto comemora o seu tento (Foto: Divulgação/Ricardo Duarte)

Já no primeiro lance da segunda etapa, quem evitou que a bola colorada entrasse foi o zagueiro Paulão. Moisés cruzou da esquerda, Caio Vidal acertou a trave e, na sobra, Yuri Alberto soltou o pé, mas o defensor tricolor se atirou para salvar em cima da linha.

E o tento perdido acabou fazendo falta. Isso porque, aos 11 minutos, a zaga do Inter afastou mal e a bola caiu no pé de Romarinho, que emendou um belo voleio para deixar tudo igual.

Entretanto, os colorados voltaram a ficar à frente aos 25. Patrick fez linda jogada individual pela esquerda e encontrou Peglow livre no meio da área. O garoto completou de carrinho para balançar as redes do Beira-Rio. Seis minutos depois a equipe gaúcha matou o confronto. Praxedes cruzou com força para o meio da área, Felipe Alves espalmou, a bola bateu em Carlinhos e morreu no funda da meta.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 4 X 2 FORTALEZA

Local: Beira-Rio,Porto Alegre (RS)

Data: 06 de janeiro de 2021 (domingo)

Hora: 20h30h (de Brasília)

Árbitro: Rodrigo Dalonso Ferreira (SC)

Assistentes: Alex dos Santos (SC) e Éder Alexandre (SC)

VAR: Wagner Reway (PB)

Cartões amarelos: Paulão, Wanderson e Tinga (Fortaleza)

GOLS: Yuri Alberto, aos 3 do 1ºT, Rodrigo Dourado, aos 9 do 1ºT, Peglow, aos 25 do 2ºT, e Carlinhos (contra), aos 31 do 2ºT (Internacional); Wellington Paulista, aos 11 do 1ºT, e Romarinho, aos 10 do 2ºT (Fortaleza)

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Rodinei, Lucas Ribeiro, Víctor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado (Johnny), Edenilson, Patrick (Maurício), Praxedes (Rodrigo Lindoso) e Caio Vidal (Peglow); Yuri Alberto (Abel Hernández).

Técnico: Abel Braga

FORTALEZA: Felipe Alves; Tinga (Yuri César), Paulão, Wanderson e Carlinhos; Felipe (Ronald), Juninho; Osvaldo (Gabriel Dias), Romarinho, David (Bergson) e Wellington Paulista (Mariano Vázquez).

Técnico: Enderson MoreiraGazeta Esportiva