O Swansea, clube da segunda divisão inglesa, anunciou um boicote às redes sociais nessa quinta-feira. Por conta de insultos racistas aos jogadores, que tem sido cada vez mais frequente na internet, o clube decidiu que a partir de hoje ficará uma semana sem postar nada em suas redes.

Swansea City has chosen to take a club-wide stance in the battle against abuse and discrimination of all forms on social media.

From 5pm today we will not post any content on our official social media channels for seven days.Manchester United e mais recentemente no Liverpool, após a derrota dos Reds para o Real Madrid na Liga dos Campeões.

Jordan Henderson, capitão do Liverpool e da seleção inglesa, também se manifestou nesse quinta em seu Twitter avisando que vai promover uma rede de ajuda para as pessoas que quiserem falar sobre ataques sofridos na internet.

Online abuse has got to stop. Recently I’ve been thinking about what I can do, as an individual, to try and make a difference. I’ve seen friends, team-mates, other players within football and in wider society be on the receiving end of horrendous online abuse which… 1/4 pic.twitter.com/TLnrYXAzWF

Loading

— Jordan Henderson (@JHenderson) Gazeta Esportiva