Os brasileiros Felipe Costa da Silva e Helen Cristina Caldeira Deluque venceram no sábado, 27, o Campeonato IAU Continental de Ultramaratona de 100 Km Américas, disputado pela primeira vez na América do Sul, em Bertioga.

Participe dos nossos grupos ℹ http://bit.ly/CNAGORA06 🕵‍♂Informe-se, denuncie!

Felipe, de Santa Catarina, completou as 20 voltas no circuito de 5 km, montado na avenida Tomé de Souza, em 7:11:41, quebrando o seu recorde pessoal que era de 7:19:11, desde o ano passado no Mundial da Croácia. “Foi uma prova muito dura por causa do calor, mas consegui me superar graças ao apoio da torcida. Terminei extenuado e não deu nem para comemorar muito. Ainda estou todo dolorido”, comentou o ex-triatleta.

No feminino, Helen Cristina, de Brasília, também reclamou do calor, embora não acreditasse ainda na vitória. “Vim para ajudar o Brasil, mas não esperava vencer, ainda mais com temperatura alta. Mas estou extremamente feliz e recompensada”, disse a atleta de 49 anos, que completou a prova em 9:02:15, longe das 8:55:15 do seu melhor resultado, também no ano passado, no Mundial da Croácia. “Treinei bem pensando no melhor resultado possível e estou muito feliz.”

O presidente da Associação Internacional de Ultramaratona (IAU), o canadense Nadeem Khansos, comemorou o evento: "Constatamos o crescimento e desenvolvimento da Ultramaratona na América do Sul, após o muito bem-sucedido IAU 100 km no Campeonato das Américas no Brasil. A organização do evento solidificou ainda mais a cooperação entre as federações membros das Américas, aumentou a rede entre as corridas e abriu avenidas para os atletas participarem de futuras competições na região", comentou.

O Campeonato foi um evento promovido pela IAU (International Association of Ultrarunners) e pela CBAt, com organização da Brazil135 Ultramarathon e do Circuito Br135 Ultra de Rua. A competição tem apoio da prefeitura de Bertioga. A Caixa é a patrocinadora oficial do Atletismo Brasileiro.

Além da ultramaratona exclusiva para convocados, também foi realizada, simultaneamente, a BR Rua Etapa Bertioga com percursos de 5km, 10km, 20km, 50km, 80km e 100km. A prova foi aberta a todos os competidores interessados, podendo ser feita solo ou em revezamento, com equipes de até cinco atletas. 

O atleta de Bertioga Rodrigo Torres Garcia, 37 anos, percorreu os 80km em 6h52m56 e foi o campeão geral da modalidade. "Foi uma surpresa quando falaram, me trataram como se um fosse um atleta de elite, longe disso, mas a gente caminha pra isso, mas ainda faltam alguns degraus. Muito satisfeito com o resultado e satisfeito de receber as delegações aqui na minha cidade", comemorou o vencedor da Ultra dos Anjos Internacional (UAI), em Minas Gerais.

A primeira mulher da categoria 80 km a completar a prova também é de Bertioga. Vanessa Silvano Ferreira, 41 anos, chegou em pouco mais de 8 horas de corrida (8h20m42s), foi a primeira do feminino e terceiro lugar no geral. "Meu maior desafio foi trabalhar o psicológico para ficar fazendo voltas e mais voltas até chegar aos 80km. Nunca havia feito esta distância, meu máximo tinha sido 42 km", declarou a vencedora da Maratona Ecológica , realizada na última semana.

Pódio masculino: 

1 - Felipe Costa da Silva (BRA) - 7:11:41

2 - Pedro Augustin Moran Salas (ARG) - 7:38:32

3 - Eduardo Silvério Calixto (BRA) - 7:46:14

Pódio feminino:

1 - Helen Cristina Caldeira Deluque (BRA) - 9:02:15

2 - Claudia Robles (ARG) - 9:04:17

3 - Gabriela Ramirez (MEX) - 9:21:04

Classificação por equipes

Masculino

1 - Brasil

2 - Argentina

3 -México

Feminino

1 - Argentina

2 - Brasil

3 - Uruguai