Uma festa clandestina realizada na madrugada deste domingo (4) num bairro central de Lagoinha (SP), acabou em confusão entre os participantes e a polícia. Festas, mesmo as legais, estão proibidas na cidade, que tenta conter o avanço da covid-19.

A esbórnia proibida avançava pela madrugada em uma casa. Segundo informações, a Polícia Militar, atendendo a uma denúncia, foi até o local e teria orientado os frequentadores a pararem a festa. A atividade, porém, prosseguiu.

Faça parte do nosso grupo no WhatsApp ➤ http://bit.ly/NoticiasLitoral2 E receba matérias exclusivas. Fique bem informado! 📲

Com a desobediência, houve um princípio de confusão entre os participantes e os policiais. Viaturas da polícia teriam sido depredadas e danificadas. Após a chegada do reforço, a polícia obrigou os participantes a encerrarem a atividade proibida.

Ao menos quatro participantes da festa foram presos e multados em 6 mil reais, eles vão responder por desacato, desobediência e dano ao patrimônio público.   

Erramos - a primeira versão desta matéria, alterada em 06/04 às 16h39, continha um equívoco quanto ao local da ocorrência. A festa ocorreu na cidade de Lagoinha, na região imediata de Taubaté – Pindamanhangaba, e não no bairro Lagoinha, em Ubatuba, no Litoral Norte de São Paulo.