Na noite desta quarta-feira (7), uma moradora do Jardim Vicente de Carvalho, conhecido como Saoc, em Bertioga, denunciou em rede social o chamado "bailão da SAOC", que é um tipo de festa ao ar livre regada por bebidas, drogas, som alto, e que reúne centenas de jovens aglomerados, geralmente sem máscara e sem distanciamento social. O baile estaria agendado para o próximo sábado (10).

Faça parte do nosso grupo no WhatsApp ➤ http://bit.ly/CostaNorteinfolitoral2  E receba matérias exclusivas. Fique bem informado! 📲

A postagem gerou grande repercussão entre moradores, que indignados com a falta de responsabilidade de alguns por promover bailes clandestinos no momento em que comércios são fechados para inibir o avanço da covid-19 em Bertioga. "Infelizmente não é todo mundo que está preocupado com vírus, infelizmente muitos estão levando na brincadeira, só vai acreditar quando alguém próximo pegar o que temos que fazer e cada um cuida de si, fazer sua parte, não dá pra segurar todo mundo!", disse uma internauta na  postagem.

Recentemente, a prefeitura de Bertioga realizou uma operação após uma denúncia de moradores durante a madrugada. Veículos que, porventura, participem de maneira irregular dos eventos clandestinos poderão ser apreendidos pela Diretoria de Trânsito da prefeitura de Bertioga. Segundo o denunciante, no sábado em questão, havia pessoas armadas andando de moto, apontando a arma de fogo para cima, ostentando o objeto.

Em nota, a Secretaria de Segurança e Cidadania de Bertioga informa que tem intensificado a fiscalização, por meio de força-tarefa formada pelo Grupo de Fiscalização, Guarda Civil Municipal, diretorias de Operações Ambientais e de Trânsito, com apoio da Polícia Militar, para coibir pancadões, festas clandestinas e aglomerações.