Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
TRAVESSIA DE PEDESTRES

Travessia alternativa de pedestres entre Bertioga-Guarujá; confira a situação

Para uma embarcação efetuar a travessia de pedestres entre municípios, deve-se ter documentação de arrais, lancha regulamentada e coletes salva-vidas

Da redação
17/06/2022 às 14:03.
Atualizado em 17/06/2022 às 15:31
Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
 (Foto: Eleni Nogueira)

(Foto: Eleni Nogueira)

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Após o rompimento do flutuante de Guarujá, uma plataforma que permite o acesso de veículos às balsas, que ocorreu no último domingo (12), uma série de problemas afetam o cotidiano de quem depende do serviço de travessia entre os municípios de Bertioga e Guarujá.

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

O incidente ocorreu às 12h35, de acordo com informações do Departamento Hidroviário (DH) do governo do estado, o serviço foi paralisado e não há previsão de retorno. Ainda segundo o DH, não houve feridos. 

O DH recomendou ainda que, para quem tivesse necessidade de ir para o outro município, seria necessário utilizar a rodovia Cônego Domênico Rangoni (SP-055).

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Porém, para os pedestres a situação ainda se mostrou sem solução, com a inacessibilidade ao veiculo automotor, e com as travessias paralisadas, o transporte marítimo alternativo se tornou a única opção.

Diversos pescadores e donos de barcos forneceram ajuda aos pedestres que necessitavam da travessia entre municípios, porém, houve uma proibição de diversas embarcações por parte da Marinha do Brasil, que estava fiscalizando o local.

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Por meio de nota, a Marinha do Brasil disse que as fiscalizações e vistorias na referida travessia, bem como nas demais áreas, ocorrem periodicamente sempre visando a segurança da navegação, salvaguarda da vida humana no mar e prevenção da poluição hídrica por embarcações.

A Capitania dos Portos de São Paulo compareceu ao local, realizando inspeção e vistoria técnica e, ainda, notificou o órgão público responsável para as providências cabíveis.

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Atualmente, para uma embarcação efetuar a travessia entre municípios, deve-se ter documentação de arrais, lancha regulamentada e coletes salva-vidas. A sociedade Amigos da Prainha Branca vai disponibilizar uma lancha para moradores : das 6h às 9h e das 17h às 18h.

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

O Portal Costa Norte é um dos veículos de comunicação do Sistema Costa Norte de Comunicação, empresa que atua no litoral paulista há mais de trinta anos levando informação a toda a população com seriedade e imparcialidade.

Sistema Costa Norte de Comunicação© Copyright 2022Todos os direitos reservados ao Sistema Costa Norte de Comunicação.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por