O Monte Serrat é um dos principais pontos turísticos de Santos. Com 402 degraus e 14 nichos, a escadaria é palco de diversos eventos como a Descida das Escadas de Santos (prova de downhill – modalidade de mountain bike) e a procissão da padroeira da cidade: Nossa Senhora de Monte Serrat. 

Além da escadaria, que por si só já vale a visita, o Monte Serrat conta com duas grandes atrações, o antigo cassino e o Santuário de Nossa Senhora do Monte Serrat, construído há mais de 400 anos. 

Segundo consta na história, no final do século 16, o governador geral do Brasil, Dom Francisco de Souza, mandou erguer uma capela no então chamado Morro de São Jerônimo.

Sua ideia era homenagear Nossa Senhora do Monte Serrat, padroeira da Catalunha, no período de dominação espanhola. No entanto, em Santos, havia muita resistência.

Por isso, o templo era praticamente ignorado pelos colonos portugueses, que preferiam rezar à Santa Catarina de Alexandria. 

O cenário mudou em fevereiro de 1615, com a invasão holandesa. O Monte Serrat passou a servir de abrigo à população quando a então vila era invadida por piratas. Em um desses ataques, os invasores acabaram soterrados e o milagre, atribuído a Nossa Senhora, tornou-a padroeira da cidade em 1955.

Bonde

Para facilitar o acesso ao topo, imigrantes espanhóis começaram a construir um sistema de bonde em 1910, mas a Primeira Guerra Mundial comprometeu as importações e o projeto só foi concluído em junho 1927.

Nessa época, os bondinhos eram fechados por cortinas para preservar a identidade da boemia santista, que terminava a noite no Monte Serrat, assistindo a shows com artistas de renome, como Carmen Miranda, Francisco Alves e Sílvio Caldas.

Com materiais nobres, como mármore de Carrara, vitrais belgas, cortinas e tapetes franceses, prataria e cristais da Europa, a casa noturna era conhecida até no exterior e servia como ponto de referência para os turistas.

Três meses depois de inaugurados bondinhos e o salão de festas, o prédio do complexo do Monte Serrat passou a abrigar, em setembro de 1927, um cassino - ele funcionou até 1946, quando o governo federal proibiu o jogo no país. Em dezembro de 1927, também passou a funcionar no prédio um cinema. Reformado em 1998, o antigo cassino é espaço para eventos sociais e culturais, dispõe de cafeteria e conta com mirante e dois curiosos espelhos.

São quatro minutos de subida a 147 metros da encosta do Monte Serrat e uma vista de 360 graus da cidade. Também é possível ver parte dos municípios de São Vicente, Cubatão e Guarujá. Os bondinhos com capacidade para até 45 passageiros por viagem em um percurso de mais de 240m. A tarifa custa R$ 44, idosos pagam meia e crianças de até 8 anos são isentas.