Grupo Batuki Kianda apresenta maracatu em Ilhabela | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte
|
Variedades
O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife
O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife Foto: Divulgação

Grupo Batuki Kianda apresenta maracatu em Ilhabela

Apresentação acontece no sábado de Carnaval, a partir das 17 horas, no Perequê


09 de fevereiro de 2018 às 18:09
Por Marina Aguiar
O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife
O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife Foto: Divulgação

O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife
O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife Foto: Divulgação

O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife
O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife Foto: Divulgação

O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife
O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife Foto: Divulgação

O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife
O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife Foto: Divulgação

A prefeitura de Ilhabela traz o Carnaval da Vela neste feriado. Em meio a apresentações de blocos e desfiles de escolas de samba, a cidade contará com a cultura de Recife (PE). O grupo de maracatu Batuki Kianda se apresentará no sábado de Carnaval, no Perequê, a partir das 17 horas – horário da concentração (em frente a Creperia N’Areia). O cortejo começa às 18 horas. 

atividade será itinerante e o público poderá acompanhar a banda até o píer do Perequê. Mais de 20 músicos apresentarão as principais canções do grupo, em seis instrumentos diferentes. O grupo ‘Batuki Kianda é ligado à tradição de maracatu de baque virado, da centenária Nação Porto Rico, atual campeã do Carnaval de Recife. 

O Maracatu é uma manifestação cultural que se originou no Recife, em Pernambuco, com forte influência de diferentes povos da região africana identificada como Iorubá e que teve muitos de seus representantes escravizados no Brasil. O ritmo é das manifestações musicais que compõe o famoso carnaval de Recife.

Últimas Notícias