Resumo das eleições 2018 em Bertioga | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte
|
Política
Kaled Ali el Malat
Kaled Ali el Malat Foto: Estela Craveiro/JCN

Resumo das eleições 2018 em Bertioga

Valéria Bento é a mais votada entre candidatos a deputado na cidade e Kaled é o mais votado entre todos os candidatos da cidade


11 de outubro de 2018 às 18:12
Por Estela Craveiro
Kaled Ali el Malat
Kaled Ali el Malat Foto: Estela Craveiro/JCN

Luci Cardia e Valéria Bento
Luci Cardia e Valéria Bento Foto: Estela Craveiro/JCN

Dr. Arnaldo
Dr. Arnaldo Foto: Estela Craveiro/JCN

Eduardo Pereira
Eduardo Pereira Foto: Estela Craveiro/JCN

Noeli Maester
Noeli Maester Foto: Estela Craveiro/JCN

Votação inédita
O resultado das eleições para senadores e deputados estaduais e federais, realizadas no domingo, 7, colocaram os candidatos de Bertioga em um novo patamar de votação. Nos 27 anos de história do município, jamais os eleitores da cidade prestigiaram tanto os candidatos locais. Nenhum dos sete candidatos foi eleito. Mas os concorrentes à Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, à Câmara dos Deputados e ao Senado Federal ficaram animados com a valorização dos eleitores aos candidatos locais, que é uma grande batalha para os políticos de todas as pequenas cidades, cujo eleitorado é sempre assediado por candidatos de outros municípios da região e, às vezes, nem tão da região assim.

O mais votado da história
Embora não tenha sido eleito, Kaled Ali El Malat, que concorria a uma das duas cadeiras para senador do estado de São Paulo, pelo DC, sagrou-se o candidato de Bertioga mais votado da história da cidade. Ele foi votado para o Senado por nada menos do que 134.266 pessoas, mais do que o triplo do número de eleitores de Bertioga, que, atualmente, são 42.849. A votação obtida por Kaled também o coloca mais de 30 mil votos à frente, por exemplo, da soma dos votos de expressivos deputados federais da Baixada Santista, os não reeleitos João Paulo Papa (PSDB), que teve 47.278 votos, Marcelo Squassoni (PRB), com 36.773 votos, e Beto Mansur (MDB), que obteve 27.613 votos.

Mais votada na cidade 
Entre os candidatos a deputado estadual da cidade de Bertioga, a vereadora Valéria Bento (MDB), que concorria a uma vaga na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), foi a que obteve mais votos no município: 3.733. Para se ter ideia, na última eleição para a Câmara Municipal de Bertioga, em 2016, o vereador mais votado, Pacífico Jr., então filiado ao PROS, foi eleito com 1.383 votos.  Ao todo, 4.526 eleitores votaram em Valéria Bento. Em 2016, ela se reelegeu vereadora com 947 votos. Em 2010, foi candidata a deputada federal pelo PMDB e obteve 2.027 votos.

Mais votada da cidade 
Entre os candidatos a deputado de Bertioga, Luci Cardia (PSDB), que competia por uma cadeira na Câmara dos Deputados, em Brasília, foi a que mais obteve votos: 4.865. Esse número fez dela também a mais votada no total entre os candidatos da cidade aos Legislativos estadual e federal. Em Bertioga, Luci foi a escolhida para deputada federal por 695 eleitores.

Eduardo Pereira
O vereador Eduardo Pereira, que competiu por uma vaga na Câmara dos Deputados pelo SD, teve 3.844 votos, dos quais 2.060 foram de eleitores de Bertioga. Em 2016, ele se elegeu vereador, pela segunda vez, com 1.049 votos. Em 2006, Pereira foi candidato a deputado federal pelo PDT, e obteve 5.691 votos.

Dr. Arnaldo
O vereador Dr. Arnaldo, candidato a deputado federal pelo PV, recebeu 1.752 votos dos eleitores de Bertioga, de um total de 3.109 votos. Em 2016, ele se elegeu vereador pela primeira vez com 662 votos. 

Noeli
Em sua primeira participação em uma eleição, Noeli Maester (PHS), que concorria à Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, foi a escolhida de 437 eleitores, dos quais 158 são de Bertioga.

Para presidente
Em Bertioga, no primeiro turno das eleições 2018, o candidato a presidente da República mais votado foi Jair Bolsonaro, do PSL, que conquistou 15.804 votos, 55,46% do total de votos válidos do município. Com o total de 49.276.990 votos, 46,03% dos votos válidos, Bolsonaro irá disputar o segundo turno com Fernando Haddad, do PT, que teve o total de 31.342.005 votos, 29,28% dos votos válidos. Em Bertioga, Haddad teve 5.422 votos, 19,03% dos votos válidos na cidade.

Para governador
No primeiro turno das eleições 2018, os eleitores de Bertioga fizeram de João Doria, do PSDB, o mais votado da cidade para governador do estado de São Paulo, com 8.352 votos, 33,64% dos votos válidos. Com o total de 6.431.555 votos, 31,77% do total de votos válidos do estado de São Paulo, Doria irá disputar o segundo turno com Márcio França, do PB, que teve o total de 4.358.998 votos, 21,53% do total do estado paulista. Em Bertioga, França teve  7.955 votos, 32,04% dos votos válidos do município.

Brancos e nulos
Na eleição para presidente da República, foram contabilizados 3.106.936 votos em branco, 2,65% do total, e 7.206.205 votos nulos, 6,14% do total. Somam, 8,79% do total de votos. Ao todo, foram registrados 107.050.673 votos válidos, 91,21%. Na eleição para o governador paulista, foram 78,11% os votos válidos: 20.246.737. Os votos em branco foram 1.801.747, 6,95% do total do estado. E os votos nulos foram 3.872.836, 14,94%. Somam 21,89% dos votos do estado.

Ausentes
Em Bertioga, dos 42.849 eleitores do município, 72,60% foram votar, e 27,40% não foram. Dos 147.306.295 eleitores brasileiros, 79,67% compareceram às urnas, e 20,33% não se deram a esse trabalho.  No estado de São Paulo, os percentuais são parecidos. Dos 33.032.372 eleitores, 78,47% foram votar e 21,53%, não. 

Últimas Notícias