Doria visita Bertioga e promete passagens de nível para a Rio-Santos | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte
|
Política
João Doria visita Bertioga | Autor: Imagens de André Cardoso, edição de Thiago Ribeiro
João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

Doria visita Bertioga e promete passagens de nível para a Rio-Santos

O candidato do PSDB ao governo paulista disse que irá ajudar a prefeitura a concluir a ampliação do hospital municipal, trazer um Ame para a cidade, e implantar o programa Remédio Mais Fácil


27 de setembro de 2018 às 16:27
Por Estela Craveiro
João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

Doria se diverte com a bateria do Bisnetos de Cacique
Doria se diverte com a bateria do Bisnetos de Cacique Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

João Doria visita Bertioga
João Doria visita Bertioga Foto: Estela Craveiro

Passagens de nível para a travessia da rodovia Rio-Santos onde há núcleos urbanos, finalização da ampliação do hospital municipal e inclusão do município no programa Remédio Mais Fácil foram as principais propostas para Bertioga apresentadas por João Doria, candidato do PSDB ao governo do estado de São Paulo, em sua visita à cidade, na tarde de quarta-feira, 27.

Ele foi recebido por algumas centenas de pessoas no Lions Clube, onde chegou a bordo de uma van, acompanhado pelo prefeito Caio Matheus, que foi recebê-lo no heliponto do Indaiá. Estava m com eles o secretário de Obras e Habitação Luiz Carlos Rachid; Alberto Mourão, prefeito de Praia Grande; os vereadores Ney Lyra e Carlos Ticianelli, do PSDB; Biró, do PTB, e Matheus Rodrigues, do DEM, partido de Rodrigo Garcia, candidato a vice-governador na chapa de Doria.

No caminho, eles pararam na barraca de pasteis da esquina da rodovia Rio-Santos com a avenida 19 de Maio, onde fica o Lions, conta Matheus Rodrigues: “Viemos conversando sobre as necessidades de Bertioga. Quando paramos, ele comeu um pastel e aproveitou a oportunidade para fazer uma vídeo sobre os problemas que nós temos na Rio-Sanots”.  

No Lions, sobre um pequeno palco, o candidato do PSDB já aproveitou o momento dos cumprimentos iniciais, para saudar particularmente as mulheres e falar da campanha de Luci Cardia, candidata de Bertioga a deputada federal pelo PSDB. Doria começou seu breve discurso lembrando que conhece Bertioga desde a infância, quando visitava a casa da família Ermírio de Moraes, no Indaiá, e focou no problema da falta de segurança para pedestres e ciclistas para atravessar a Rio-Santos.

“Vindo para cá, vi dezenas de pessoas, mães, famílias e gente de bicicleta atravessando a rodovia. Isso não é aceitável. Nós vamos, com a prefeitura de Bertioga, investir nas passagens subterrâneas. É o mínimo. Vamos fazer o mesmo modelo que o Alberto Mourão fez em Praia Grande, primeiro em Bertioga e depois nas demais cidades cortadas pela  Rio-Santos”, prometeu Doria.

A seguir, ele abordou a saúde pública: “Vamos apoiar a prefeitura, tanto para o hospital quanto para as UBSs e os Ames (Ambulatório Médico de Especialidades) que vamos trazer para esta região”. Depois, afirmou que irá ampliar o Baep (Batalhão de Ações Especiais de Polícia): o Baep é padrão Rota. Comigo, a conversa é outra. É rigor da Polícia Militar e da Polícia Civil, que vamos integrar com as Guardas Civis Municipais”. Ele disse, ainda, que ajudará Bertioga no programa de monitoramento por vídeo: “São compromissos de governo que nós estamos assumindo aqui”.

Na segunda parte do seu pronunciamento, Doria falou da infância pobre. Lembrou que começou a trabalhar aos 13 anos de idade. Disse que não é “coxinha” e que trabalhou duro para ter um bom padrão de vida. Comentou que, quando prefeito de São Paulo, doou todos os seus salários para instituições de caridade, e afirmou que o mesmo fará com os salários de governador, se for eleito: “Não vim para a política para roubar, ter dinheiro, ou ser carreirista. Vim para ajudar. Essa é a minha missão”.

Ele pediu então que todos os presentes se dessem as mãos: “Quem dá a mão a um irmão empresta também parte do seu coração. Nós, aqui, neste momento, estamos todos em irmandade para lutar por causas que ajudem quem mais precisa. Por isso, sempre evoco e agradeço a Deus que me deu força vital para estar aqui disputando uma eleição, porque sei que posso ajudar as pessoas mais simples, mais pobres, que mais precisam”.

Para encerrar, Doria pediu votos para os candidatos do partido à Assembleia Legislativa e à Câmara de Deputados, e especificamente para a deputada federal Mara Gabrilli, candidata do PSDB a senadora.  Na saída, depois de pacientemente posar para selfies com dezenas de pessoas, ele pediu licença a um dos ritmistas da bateria do bloco Bisnetos de Cacique, que animava o evento na entrada do Lions Clube, e, por alguns minutos, se divertiu tocando bumbo. Finalizando a visita a Bertioga, Doria conversou rapidamente com os empresários que, há três décadas, mantêm a Aqua Self, uma casa de produtos para piscina, ao lado do Lions, e os cumprimentou: “Não é fácil manter um negócio por 30 anos. Parabéns!”.

Últimas Notícias