Câmara de Caraguá aprova Natal Reciclável | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte
|
Política
Fernando Cuiu também pretende incentivar o uso de material reciclável para decoração e fomentar o turismo
Foto:

Câmara de Caraguá aprova Natal Reciclável

Proposta anseia que a cidade seja referência em sustentabilidade


09 de maio de 2018 às 12:42
Por Da Redação

A Câmara de Caraguatatuba aprovou durante a 14ª sessão ordinária do ano, realizada na terça-feira, 8, o projeto de lei nº 021/18, de autoria de Fernando Augusto da Silva Ferreira (Fernando Cuiu), que dispõe sobre o uso de materiais recicláveis para enfeites natalinos pelo programa Natal Reciclável no município.

Fernando Cuiu espera ter a cidade como referência em sustentabilidade, com o incentivo do uso de material reciclável para decoração. Além disso, a ação ajudará a fomentar o turismo.

A proposta também tem como objetivo proporcionar terapia ocupacional para homens e mulheres da terceira idade, crianças e jovens; incentivar a formação social aos cidadãos, repensar o modo de consumo e o meio ambiente, trabalhando desta forma uma produtividade de qualidade.

Outras votações

Em regime de urgência, a Câmara Municipal aprovou o projeto de decreto nº 019/18, do Vereador Celso Pereira, que dispõe sobre a concessão de Título de Cidadã Caraguatatubense a Ilustríssima Sra. Michelli Veneziani da Silva Augusto, primeira dama do município de São Sebastião e filha do ex-Prefeito de Caraguá, Antonio Carlos da Silva.

Na primeira parte da sessão, também foram aprovados seis requerimentos. O vereador Aurimar Mansano  requereu do Executivo informações sobre a a implantação do Centro de Referência de Assistencia Social – CRAS no Bairro Barranco Alto, e também sobre a a implantação do Centro de Referência de Assistencia Social – CRAS no Bairro Morro do Algodão.

Já Elizeu Onofre da Silva pediu informações sobre o Projeto de Desenvolvimento Sustentável do Litoral Paulista (PDSLD) do Governo do Estado. A vereadora Vilma Teixeira de Oliveira Santos apresentou requerimento sobre a desapropriação de área para construção de um campo de futebol e área de lazer, no bairro Perequê-Mirim. 

O mau cheiro no rio Mococa foi motivo de requerimento por parte do vereador Celso Pereira. Por fim, o parlamentar Flávio Rodrigues Nishiyama Filho pediu informações sobre a criação do cargo de condutor socorrista.

Últimas Notícias